X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Polícia

Marido é preso após bater em mulher no ES por causa de Viagra

Crime aconteceu na noite deste domingo de Natal (25)


Imagem ilustrativa da imagem Marido é preso após bater em mulher no ES por causa de Viagra
Além de socos e chutes, o acusado ainda tentou estrangular a vítima |  Foto: Fábio Nunes/AT

Um autônomo, de 58 anos, foi preso em flagrante, após agredir a própria mulher, uma doméstica, de 42, com chutes e socos. As agressões aconteceram dentro da casa onde o casal vivia, em Nova Rosa da Penha, em Cariacica.

O crime aconteceu na noite deste domingo de Natal (25), após a mulher questionar o marido sobre um comprimido de estimulante sexual, também conhecido como Viagra, que ela havia encontrado dentro do bolso da calça dele.

Depois da pergunta, o homem se alterou e partiu para cima da doméstica. Além de chutes e socos, o suspeito ainda tentou estrangular a mulher.

"Ele apertou com muita força a minha boca. Apertão tão forte que quebrou a minha prótese", disse a vítima, que pediu para não ser identificada.

Desesperada e sem forças, a diarista suplicava para que o marido parasse com as agressões, mas ele insistia em apertar seu pescoço. Foi aí que um dos filhos da mulher, um adolescente de 13 anos, que passava pela rua onde a mãe morava, ouviu os gritos dela, pulou o muro e tentou tirá-lo de cima de sua mãe.

Uma outra filha da doméstica também chegou ao local e ajudou a separar a briga. A Polícia Militar foi acionada e conduziu o homem até o Plantão Especializado da Mulher, onde ele foi autuado por lesão corporal na forma da Lei Maria da Penha.

Após os procedimentos na delegacia, o homem foi levado para o presídio, onde ficará à disposição da Justiça capixaba.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: