Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Maioria dos bandidos soltos em menos de 24 horas tem 5 passagens pela polícia

A maior parte dos suspeitos são jovens com idade entre 23 e 25 anos

Kananda Natielly, do jornal A Tribuna | 21/02/2022 16:48 h

Grande parte dos bandidos que são presos e soltos em menos de 24 horas no Espírito Santo já são criminosos reincidentes. Em sua maioria, eles já possuem, no mínimo, cinco passagens, segundo a polícia. 

“São tantos casos de criminosos que são presos e colocados nas ruas novamente que nossa mente fica até banalizada. Quando olhamos a ficha criminal, ele já tem cinco, seis passagens, e não respondeu nem a primeira ainda”, disse o secretário de Estado da Segurança Pública, Alexandre Ramalho.

Titular do 29º Distrito Policial de Jacaraípe, na Serra, o delegado Rodrigo Henrique Rosa destaca que a maioria dos suspeitos é jovem com idade entre 23 e 25 anos.

“A gente vai vendo uma espécie de progressão criminosa, que começa com pequenos delitos e depois avança para crimes mais graves. Muitos têm inúmeras passagens”, disse o delegado.

Adolescentes

Além de criminosos adultos, conduzidos às delegacias do Estado este ano, após o cometimento de vários crimes, os adolescentes de 13 a 17 anos também se destacaram nos casos de reincidência. 

Apenas nos primeiros 48 dias deste ano (de 1º de janeiro até o dia 17 de fevereiro), pelo menos 270 menores foram apreendidos por suspeita de praticarem crimes como  furtos, roubos, porte ilegal de arma de fogo, tráfico de drogas e homicídios. A média é de 5,6 casos por dia de prisões de menores em todo o Estado.

Polícia prende, em média, 31 pessoas por dia no Estado

O número de criminosos levados para alguma delegacia do Estado, de 1º de janeiro a 17 de fevereiro deste ano, já assusta. De acordo com a Secretaria de Estado da Segurança Pública (Sesp), 1.496 pessoas foram presas nos 48 primeiros dias do ano.

O número equivale a 31 pessoas presas por dia em todo o Espírito Santo. Entre os crimes que mais levaram os suspeitos para as cadeias este ano estão tráfico de drogas (879), furto (219) e porte ilegal de arma de fogo (171). 

Desse número de conduzidos para as delegacias, 270 eram adolescentes. Os crimes mais praticados por esse perfil de bandidos, segundo dados da Sesp, foram tráfico de drogas (197) e roubo (24).

Ficamos felizes em tê-lo como nosso leitor! Assine para continuar aproveitando nossos conteúdos exclusivos: Assinar Já é assinante? Acesse para fazer login

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS