X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Jovens são baleados durante troca de tiros com a PM em Vila Velha

Policiais faziam uma ronda quando se depararam com uma briga generalizada próximo a um bar

Júlia Afonso | 29/01/2022 12:50 h | Atualizado em 29/01/2022, 13:00

Uma confusão no meio da rua acabou em perseguição e dois jovens baleados, em Vila Velha, na madrugada deste sábado (29). De acordo com a polícia, a dupla foi ferida após uma troca de tiros com os militares.

O caso começou no bairro Alecrim, quando os policiais faziam uma ronda pela rua e se depararam com uma briga generalizada próximo a um bar. No local, havia um homem caído no chão. Quando os agentes desembarcaram da viatura para descobrir o que estava acontecendo, eles foram informados que suspeitos armados estavam fugindo em um veículo.

Imagem ilustrativa da imagem Jovens são baleados durante troca de tiros com a PM em Vila Velha
 

Eles voltaram para a viatura e foram atrás do carro, um Siena. A perseguição seguiu até Aribiri, onde um cerco foi montado. Os suspeitos conseguiram furar a barreira montada e continuaram a acelerar o veículo, passando pela Glória, e, por fim, chegando até o alto do Morro do Jaburuna, onde entraram numa mata.

De acordo com os policiais que atenderam a ocorrência, os jovens teriam disparado contra eles e houve confronto. No meio dos tiros, dois deles foram atingidos. Um terceiro conseguiu escapar.

Um jovem de 19 anos foi baleado no braço, e outro de 21 anos foi atingido na perna. O mais novo, segundo a polícia, tinha um mandado de busca e apreensão em aberto, por roubo e receptação, crimes cometidos quando ele era menor de idade.

Os dois foram levados para o Hospital Antônio Bezerra de Farias. O mais novo está sob escolta e será encaminhado à prisão assim que receber alta. “O segundo conduzido, de 21 anos, foi ouvido e liberado pela autoridade policial pois não foi constatado estado flagrancial”, informou a Polícia Civil.

Ex-militar

Depois de ferido, o jovem de 21 anos contou aos agentes que era ex-militar. Ele chegou a chorar, dizendo que tinha o sonho de ser policial.

Na manhã de ontem, testemunhas relataram à reportagem que a confusão no bairro Alecrim aconteceu depois que a população capturou um homem que estaria assaltando nas imediações de um hospital. Revoltadas, pessoas que estavam saindo do bar agrediram o homem, que ficou caído no chão.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS