X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Irmãos são presos por tentar matar jovem durante festa em Linhares

Segundo a policia, eles tentaram matar um jovem, de 19 anos, que teria dado em cima da namorada de um dos dois suspeitos na festa

Redação Tribuna Online | 15/07/2022 20:13 h

Paulo César foi preso no bairro Canivete
Paulo César foi preso no bairro Canivete |  Foto: Divulgação / Polícia Civil
 

Dois irmãos, de 23 e 27 anos, foram presos pela equipe da Delegacia Regional de Linhares, na madrugada desta sexta-feira (15). Segundo a policia, eles tentaram matar um jovem, de 19 anos, que teria dado em cima da namorada de um dos dois suspeitos durante uma festa no município do Norte do Espírito Santo. 

De acordo com a Polícia Civil, José Cicero Matias da Silva, o Nego Barriga, e o irmão mais novo dele,  Paulo César Matias da Silva tentaram matar o jovem no dia 18 de junho, no bairro Santa Cruz.  

A operação foi realizada com a Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) de Linhares e Delegacia Regional de Sooretama, para cumprimento de mandados de busca e apreensão e de prisão.

As equipes foram ao bairro Santa Cruz, onde localizaram José Cícero, que tinha mandados de prisão em aberto pela prática de crime de homicídio nos municípios de Conceição da Barra e Linhares. 

"No momento da abordagem, o suspeito ainda tentou fugir com uma arma de fabricação caseira, calibre 12, mas foi imobilizado e preso, pois a casa já estava toda cercada. Agora, ele vai responder também por porte ilegal de arma de fogo", informou o titular da Delegacia Regional de Linhares, delgado Fabricio Lucindo.

Arma apreendida
Arma apreendida |  Foto: Divulgação / Polícia Civil
 

Já no bairro Canivete, os policiais civis localizaram Paulo César, que foi surpreendido no local de trabalho e não ofereceu resistência.

As investigações apontaram que a motivação do crime foi ciúmes., segundo o titular da Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa de Linhares, delegado Tiago Cavalcante.

"A vítima estava em uma confraternização e havia dado, supostamente, em cima do namorado do jovem de 23 anos. Após ter ciência, ele e o irmão de 27 anos espancaram a vítima, que conseguiu fugir, mas foi surpreendida por disparos dados pelo jovem e que passou de raspão pela cabeça dele", relatou o delegado.

Os dois presos foram encaminhados para a Delegacia Regional de Linhares, onde foram interrogados e logo depois transferidos para a Penitenciária Regional de Linhares.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS