X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Investigado por duplo homicídio na Bahia é preso na Serra

| 10/06/2020 18:13 h | Atualizado em 10/06/2020, 18:36

Um suspeito de cometer um duplo homicídio e uma dupla tentativa de homicídio, na Bahia, foi preso por policiais civis na Serra. A prisão ocorreu nessa terça-feira (09), após a equipe da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) descobrir que o detido estava escondido em um ferro velho, no bairro Novo Porto Canoa.

“Após o recebimento das informações pela Polícia Civil da Bahia, nós identificamos o suspeito e montamos campanas e diligências ao redor de sua possível localização. Sendo assim, conseguimos cumprir o mandado de prisão preventiva em aberto, dentro de um ferro velho utilizado como esconderijo pelo detido”, explicou o titular da DHPP de Serra, delegado Rodrigo Sandi Mori.

O delegado acrescentou que o detido também é apontado como o gerente de uma facção criminosa no Estado baiano. O jovem de 20 anos foi preso e encaminhado para o Centro de Triagem de Viana (CTV), onde permanece à disposição da Justiça.

No dia 25 de março de 2019, equipes de polícia da Bahia deram cumprimento a um mandado de prisão contra o segundo autor dos crimes, um jovem de 22 anos. Após a prisão, o suspeito confirmou a identidade do comparsa e acrescentou que ele teria fugido para outro Estado da federação. Dando prosseguimento às investigações, o indivíduo foi localizado no Espírito Santo.

Sobre o crime

O crime ocorreu em uma praça do município de Amélia Rodrigues (BA), no dia 1º de fevereiro do ano passado, e vitimou fatalmente dois homens, um de 30 e outro de 48 anos. Na mesma ação, os autores feriram um jovem de 20 anos e outro homem de 34 anos.

Segundo as investigações da PC da Bahia, o ataque ocorreu em decorrência de um confronto entre membros da facção criminosa rival, que comemoravam as mortes de dois homens pertencentes à facção do detido. As mortes ocorreram durante um confronto com policiais, em dezembro de 2018.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS