X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Fiéis são assaltados dentro de igreja minutos antes de culto

| 19/10/2020 09:24 h

Vítimas estavam esperando culto começar
Vítimas estavam esperando culto começar |  Foto: Júlia Afonso
Nem a igreja escapou da ousadia de criminosos em Rio Marinho, Cariacica, na noite de domingo (18). Todo arrumado e de roupa social, um suspeito invadiu um templo evangélico, minutos antes do culto, e levou celulares, dinheiro e aliança dos fiéis, que ficaram sob a mira da arma dele, presos na cozinha.

O suspeito chegou ao local de bicicleta, pouco antes do horário do culto, às 19h15. "Quando chegamos, vimos ele encostado lá na frente, fingindo que estava consertando a bicicleta. Nós entramos e logo em seguida ele veio, abaixando as portas e apontando a arma", contou um membro da igreja, de 29 anos, que não quis se identificar.

Havia cerca de nove pessoas no local. O suspeito mandou todo mundo ir para os fundos, na cozinha. "Ele disse que não ia fazer nada com ninguém, que só queria comprar uma droga ali atrás, no bairro", ressaltou uma técnica de enfermeira, de 29 anos, sem se identificar.

Apontando a arma para o grupo, o criminoso fez a limpa: levou quatro celulares, cerca de 300 reais e uma aliança. Dentre as vítimas estavam três crianças, de 7 e11 anos, e um adolescente, 14 anos. "As crianças ficaram apavoradas, começaram a chorar. A gente ficou com medo da pessoa agredir, fazer algo. Na hora dá uma tremedeira, parece que o corpo da gente fica mole", desabafou a técnica de enfermagem.

Depois de roubar o que queria, o suspeito foi embora. "Ele fechou a porta da cozinha com a gente lá, mas não chegou a trancar. Mandou ninguém olhar para ele, saiu pela porta da igreja e abaixou ela também. Ficou todo mundo quieto na cozinha, apavorado", lembrou a técnica.

Mesmo com o susto, o culto aconteceu e depois as vítimas foram até a delegacia registar a ocorrência. "Acho uma falta de respeito muito grande. Na casa do Senhor, a gente está ali para adorar a Deus e mesmo assim não tem o respeito que a gente deveria ter", ponderou o membro.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS