X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Falha aciona alarme de agência dos Correios e mobiliza mais de 15 policiais

| 09/06/2020 09:57 h | Atualizado em 09/06/2020, 12:51

Caso aconteceu em uma agência dos Correios na Glória
Caso aconteceu em uma agência dos Correios na Glória |  Foto: Nágila Dubke

Uma falha no sistema de segurança da agência dos Correios da Glória, em Vila Velha, acionou a polícia por engano e provocou a mobilização de mais de 15 policiais. O caso aconteceu na manhã desta terça-feira (09).

Inicialmente foi divulgado que o acionamento teria acontecido por um "botão do pânico", que teria sido apertado por engano por um profissional. A versão, no entanto, foi corrigida pela Assessoria dos Correios cerca de uma hora depois.

Segundo testemunhas, a chegada dos policiais aconteceu de forma rápida. Em questão de minutos, cerca de dez viaturas e mais de 15 agentes estavam no local.

"Foi uma falha técnica no sistema. Os Correios já providenciaram o reparo", informou a assessoria por meio de nota.

Por meio de nota, a Polícia Militar havia informado que "Segundo o funcionário da central do Ciodes, o alarme de pânico de um dos caixas havia sido acionado. Ao verificar as câmeras pode visualizar os funcionários sentados no chão em círculo e ninguém atendia o telefone. Militares foram ao local e constataram que os funcionários estavam em uma reunião e que por isso estavam sentados em círculo e não atenderam o telefone.

A gerente informou também que o botão do pânico não havia sido acionado. Ela foi devidamente orientada quanto às questões de segurança da agência e sobre movimentações estranhas no interior do local. Também foi solicitado que mantenham o diálogo constante com a central de alarme e monitoramento com o objetivo de evitar interpretações errôneas por parte dos operadores e dessa forma evitar que ocorrências de crise sejam geradas em equívoco".

Na agência, nenhum funcionário quis se manifestar. 

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS