Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Economista marca encontro pela internet e é morto com golpes de tesouras em Vila Velha

Dois homens foram presos e confessaram o crime aos policiais

Anny Freire, com informações de Kananda Natielly | 23/01/2022 09:27 h | Atualizado em 23/01/2022, 11:37

Imagem ilustrativa da imagem Economista marca encontro pela internet e é morto com golpes de tesouras em Vila Velha
 

A noite deste domingo foi marcada por um crime que assustou moradores de um bairro em Vila Velha. Um economista, identificado como Raul Bussolotti, de 41 anos, foi assassinado a golpes de tesoura dentro da própria casa na madrugada deste domingo (23), no bairro Santa Paula II. Dois homens confessaram o crime e foram presos.

A polícia contou que os vizinhos ouviram gritos de um homem pedindo socorro e por isso acionaram os militares. Ao chegar no local, a polícia viu dois homens, que não foram identificados, saindo da casa da vítima. Ao serem questionados, disseram que estava tendo uma festa no local.

Testemunhas, que estavam próximo, ressaltaram, porém, que havia sim gritos de uma pessoa vindo de dentro da casa. Ao retornar ao local a polícia encontrou os dois suspeitos entrando em um carro de aplicativo com os objetos da casa da vítima. Eles foram presos e encaminhados ao DPJ de Vila Velha.

Durante interrogatório, confessaram que haviam matado Bussolotti por ele ser homossexual e que o encontra havia sido marcado pela internet. Mais detalhes do que houve não foi repassado pela polícia.

A mãe da vítima, muito abalada, contou que ficou sabendo através de uma ligação feita por uma das vizinhas do filho, dizendo que ele estava gritando socorro. "Eu peguei o carro e fui até a casa dele, ela já havia me avisado que tinha chamado a policia. Quando cheguei meu filho já estava morto", disse.

No local ela ainda viu os dois homens e falou à eles que não desejava para a mãe deles o que eles haviam feito com ela. "A mãe deles merece conforto, nenhuma mãe merece ter filho bandido", ressaltou. 

Ficamos felizes em tê-lo como nosso leitor! Assine para continuar aproveitando nossos conteúdos exclusivos: Assinar Já é assinante? Acesse para fazer login

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS