X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Dono de marmoraria reage a assalto e atira em bandido

| 26/10/2020 10:36 h | Atualizado em 26/10/2020, 11:22

Tentativa de assalto terminou com dois feridos em Vila Bethânia, Viana.
Tentativa de assalto terminou com dois feridos em Vila Bethânia, Viana. |  Foto: Fábio Nunes/AT
O dono de uma marmoraria em Vila Bethânia, Viana, sofreu uma tentativa de assalto e baleou um suspeito dentro de sua empresa na noite de domingo (25), por volta das 22h.

Segundo informações da Polícia Militar, dois bandidos entraram na área da marmoraria. O proprietário viu os invasores através das imagens do sistema de monitoramento. Ele pegou sua arma e foi até o local acompanhado pelo irmão. Eles surpreenderam os bandidos e os criminosos teriam disparado contra os irmãos.

O empresário revidou e atingiu um dos criminosos na região do abdômen. Mesmo ferido, ele tentou fugir, mas foi alcançado e detido até a chegada da polícia. O comparsa dele conseguiu fugir.

O suspeito foi socorrido por uma viatura da PM e encaminhado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Arlindo Vilaschi, onde recebeu atendimento médico e, posteriormente, foi transferido ao Hospital Estadual de Urgência e Emergência, ficando sob escolta.

O irmão do proprietário da marmoraria também foi ferido, de raspão, por um disparo. Ele foi levado por familiares para um hospital particular em Cariacica.

O dono da marmoraria foi conduzido para a delegacia. Segundo a PM, o certificado de registro federal da arma de fogo estava vencido desde 2011.

Por meio de nota, a Polícia Civil informou que "o suspeito, de 40 anos, foi autuado em flagrante por roubo majorado e assim que receber alta médica, será encaminhado ao Centro de Triagem de Viana. A vítima de 48 anos foi conduzida à Delegacia Regional de Cariacica para prestar esclarecimentos, e por entendimento da autoridade policial, agiu em legítima defesa e foi liberado para responder em liberdade.

A arma utilizada foi apreendida e encaminhada para o setor do Departamento de Criminalística - Balística, juntamente com as munições. O caso seguirá sob investigação da Delegacia Especializada de Segurança Patrimonial, para maiores diligências do fato e apuração da responsabilização".

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS