X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Polícia

Dois homens são presos com dinheiro falso no Norte do Estado

Prisão aconteceu nessa segunda-feira (24) em Rio Bananal


Imagem ilustrativa da imagem Dois homens são presos com dinheiro falso no Norte do Estado
Dois homens são presos com dinheiro falso no Norte do Estado |  Foto: Arquivo

Dois homens foram presos em flagrante nesta segunda-feira (24) após usarem dinheiro falso, na cidade de Rio Bananal, no Norte do Estado. De acordo com a Polícia Civil, os suspeitos, de 22 e 45 anos, usavam as notas no comércio da cidade.

Segundo a  polícia, o primeiro a ser preso foi um homem de 22 anos, no bairro São Sebastião. Ele usou notas falsas de R$ 100,00 para abastecer um veículo em um posto de combustível. Após a prisão do primeiro suspeito os policiais localizaram e prendeu o  outro acusado, de 41 anos. Na hora da prisão, o homem  tinha em seu poder R$ 240,00 em notas falsas. Ele confessou que comprou o dinheiro falso e estava usando pela cidade.

“Outros elementos envolvidos nos crimes estão sendo investigados. Se for comprovado o envolvimento, também serão indiciados pelo crime de uso de moeda falsa, com penas que vão de três a 12 anos de prisão. Os dois elementos presos ontem foram interrogados e confessaram os crimes. Eles informaram que muito dinheiro falso foi espalhado por Rio Bananal”, disse o titular da DP de Rio Bananal, delegado Fabrício Lucindo.

Os detidos foram autuados em flagrante por uso de moeda falsa e encaminhados para o Presídio Regional de Linhares, permanecendo à disposição da Justiça.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: