X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Comerciante é esfaqueado durante assalto em bar em Vitória

| 20/08/2021 16:01 h

Um comerciante de 65 anos lutou com um ladrão e acabou sendo esfaqueado, na noite de quinta-feira (19), em Goiabeiras, Vitória. Ele estava em seu bar quando o criminoso entrou, pedindo dinheiro do caixa. O idoso se recusou a passar e a briga começou.

Polícia Militar
Polícia Militar |  Foto: Taynara Nascimento
No bar estavam o dono, a mulher dele e um cliente. Imagens das câmeras de monitoramento flagraram que o ladrão ficou pelo menos 10 minutos do lado de fora do estabelecimento, esperando o momento oportuno para atacar. Às 21h20, ele entra. Um minuto depois, fecha o portão da loja, prendendo as vítimas lá dentro.

“Ele fechou o portão, falou que era um assalto e que queria o dinheiro. Meu marido foi para cima dele, mandando ele ir embora. O cara não quis ir e avançou no meu marido, jogando uma cadeira em cima dele”, lembrou a comerciante, de 62 anos. Ela não quis se identificar.

Quando o idoso caiu no chão, o ladrão sacou a faca. “Furou o braço do meu marido e eu fiquei apavorada. Avancei no bandido e bati no braço dele. A faca caiu, ele conseguiu pegar e avançou nele de novo, falando que queria dar no coração para matar meu marido”, relatou.

Com toda a gritaria, a filha do casal, que mora na casa dos fundos, correu para ver do que se tratava. No vídeo é possível ver o momento em que ela corre pela rua e abre o portão do bar.

“Acho que ele ficou com medo de alguém ouvir os gritos, com o portão aberto, e fugiu. Se minha filha não estivesse em casa, ele teria matado a gente aqui dentro”, desabafou a comerciante.

O idoso foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e levado até o hospital. Ele precisou passar por cirurgia e está internado na UTI.

Ao lembrar do crime, a mulher se recorda do medo que sentiu: “Fiquei apavorada, era muito sangue. Foram momentos de desespero, a gente sozinho aqui dentro, a porta fechada e o bandido esfaqueando”.

A Polícia Civil informou que o caso foi registrado como tentativa de latrocínio e seguirá sob investigação do Departamento Especializado de Investigações Criminais (Deic). Até o fechamento desta reportagem, nenhum suspeito tinha sido preso.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS