Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Cinco mulheres são agredidas em 16 horas

| 05/10/2020 09:30 h

A ocorrência foi registrada no Plantão Especializado da Mulher
A ocorrência foi registrada no Plantão Especializado da Mulher |  Foto: Dayana Souza/AT
O final de semana foi marcado por vários casos de violência doméstica. Só na Grande Vitória, em menos de 16 horas, cinco mulheres prestaram queixa no Plantão Especializado da Mulher (PEM), em Vitória.

No sábado (3), por volta das 23 horas, uma jovem de 25 anos foi agredida pelo ex-marido na saída de uma igreja, em Araçás, Vila Velha. Segundo a vítima, o homem de 21 anos foi atrás dela por não aceitar o fim do relacionamento. Além das agressões, ele também passou a ameaçá-la de morte.

Por ameaças anteriores, a vítima já tinha até medida protetiva contra o agressor. Ele foi levado para a delegacia e autuado por lesão corporal e ameaça.

Já na madrugada de domingo (4), uma jovem de 28 anos foi agredida e enforcada pelo marido, que chegou alcoolizado em casa, em Jardim Marilândia, Vila Velha. A vítima diz que estava em casa quando o marido apareceu e começou a esmurrar a porta, pedindo para que ela abrisse. Quando a jovem foi até ele, o acusado já entrou dando três socos no rosto dela.

A vítima disse que o marido a segurou pelo pescoço e começou a enforcá-la. Em seguida, ele pegou uma faca para golpear a jovem. Desesperada, ela gritou por socorro e foi salva por vizinhos, que interviram na briga.

O homem, que tem 32 anos, foi autuado por lesão corporal e ameaça, e transferido para o Centro de Triagem de Viana (CTV).

No início da manhã, às 6 horas, uma jovem de 26 anos foi agredida em Mucuri, Cariacica. Segundo ela, a agressão foi sem motivos por parte do companheiro que, em seguida, saiu de casa com o filho da vítima, de 4 anos.

Já em Santa Martha, Vitória, uma mulher de 33 anos alega que também foi agredida fisicamente e sofreu tentativa de estupro pelo ex-marido. A vítima disse que é casada com o acusado há nove anos, mas há três dias foi ficar na casa de parentes, no mesmo bairro, e se afastou porque ele estaria usando drogas e por haver muitas discussões entre os dois.

Mas ela precisou voltar em casa ontem para pegar alguns pertences e documentos, e foi quando acabou surpreendida pelo acusado. A vítima disse que ele a agrediu e tentou manter relações sexuais com contra sua vontade. O ex-marido foi autuado em flagrante por estupro e encaminhado ao CTV.

Mais tarde, às 14 horas, em Mario Cypreste, Vitória, uma mulher foi agredida na cabeça com uma pá e teve os braços quebrados pelo companheiro. Ela foi socorrida e levada ao Hospital de Urgência e Emergência, em Vitória.
 

Ficamos felizes em tê-lo como nosso leitor! Assine para continuar aproveitando nossos conteúdos exclusivos: Assinar Já é assinante? Acesse para fazer login

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS