X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Candidato a vereador mata a mulher após discussão sobre geladeira aberta

| 20/10/2020 13:48 h

Adílio matou a esposa Roberta a facadas após discussão
Adílio matou a esposa Roberta a facadas após discussão |  Foto: Acervo Pessoal

Um homem de 40 anos, que é candidato a vereador em Bandeira do Sul, em Minas Gerais, foi preso após confessar ter matado a esposa, a facadas, após uma discussão por causa da porta da geladeira aberta. Roberta Camile Araújo Silva, de 34 anos, não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

As informações são do Portal IG.

O suspeito do crime é o candidato a vereador Adílio Sérgio Gomes, filiado ao PSDB. Ele mesmo contou aos vizinhos sobre a "besteira que havia feito".

O crime aconteceu na casa da família, no último domingo (18). Segundo a filha, Roberta e Adílio passaram o dia em um sítio e depois voltaram para casa. Ali, começou uma discussão sobre quem teria deixado a porta da geladeira aberta. Em meio à briga, Adílio disparou vários golpes de faca em Roberta, que morreu na hora. Uma equipe do Pronto Socorro Municipal chegou a ser acionada, mas já encontrou Roberta sem vida.

A mãe de Adílio, que também estava na casa, passou mal e precisou ser amparada.

Segundo testemunhas, as brigas entre o casal eram constantes.

O candidato a vereador está preso e o caso está sendo investigado pela Polícia Civil.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS