Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Bíblia rasgada, cruzes e "666" no apartamento onde casal foi morto

| 04/08/2021 11:39 h | Atualizado em 04/08/2021, 19:58

Imagens registradas no apartamento onde o casal foi morto
Imagens registradas no apartamento onde o casal foi morto |  Foto: Divulgação

Páginas de Bíblia rasgada, cruzes pintadas de vermelho nas paredes e nas portas e a inscrição "666" (que na Bíblia remete ao 'número da besta') foram encontrados no interior do apartamento onde o casal Paulo de Oliveira Cesar e Raquel Heringer Cesar foram assassinados na madrugada desta quarta-feira (04), na Praia da Costa, Vila Velha.

O autor do crime, segundo a polícia, é o filho deles, o universitário Guilherme Heringer Cesar, de 22 anos. Ele tirou a própria vida pouco depois de cometer o crime.

Paulo de Oliveira, de 68 anos, era médico urologista e pastor de uma igreja evangélica da Praia da Costa. A profissão de Raquel, de 61 anos, não foi divulgada. Mas ela era formada em Educação Física.

Uma página de Bíblia foi encontrada com a frase "Ele me obrigou"
Uma página de Bíblia foi encontrada com a frase "Ele me obrigou" |  Foto: Divulgação
As informações iniciais são de que o corpo do pai estava atrás da porta do banheiro. Já a mãe, de 61 anos, estava em cima da cama, coberta por lençóis.

O que chamou a atenção da polícia é que há vários dizeres e símbolos espalhados pelo apartamento, fazendo referências ao satanismo. Páginas da Bíblia rasgadas e com cinzas em cima, cruzes desenhadas pela casa inteira e até partes de versículos escritos.

"A Polícia Civil informa que o caso foi registrado como duplo homicídio com uso de arma branca. Segundo informações apuradas por policiais civis do Departamento Especializado de Homicídio e Proteção à Pessoa, o suspeito do duplo homicídio, filho do casal, cometeu suicídio logo após o crime. A arma utilizada no crime foi apreendida e será encaminhada à perícia. Os corpos do casal foram encaminhados para o Departamento Médico Legal (DML) de Vitória, onde passarão por exame cadavérico e serão liberados para os familiares para enterro", informou a polícia, por meio de nota.

Obs.: Inicialmente, a informação era a de que o crime teria acontecido em Itapuã, o que foi corrigido mais tarde. 

Imagens registradas no apartamento onde o casal foi morto
Imagens registradas no apartamento onde o casal foi morto |  Foto: Divulgação
Ficamos felizes em tê-lo como nosso leitor! Assine para continuar aproveitando nossos conteúdos exclusivos: Assinar Já é assinante? Acesse para fazer login

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS