X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Bandidos tentam incendiar ônibus e trocam tiros com a PM em Vitória

| 25/03/2021 06:37 h | Atualizado em 25/03/2021, 12:38

Criminosos tentaram incendiar um ônibus no início da manhã desta quinta-feira (25) e trocaram tiros com a polícia na região de Jesus de Nazareth, em Vitória. O trânsito foi interditado por cerca de 40 minutos na avenida Beira Mar, em frente ao Instituto Braille.

Imagem ilustrativa da imagem Bandidos tentam incendiar ônibus e trocam tiros com a PM em Vitória

"Era umas 15 para às 5h eu acordei assustado, um corre-corre no meio da rua. Fui ver e as pessoas estavam correndo de um ônibus que, supostamente, estava pegando fogo em frente ao Braille. De repente, houve um tiroteio. Eu me escondi debaixo da alvenaria do prédio. Tentei fazer algumas imagens, mas fiquei com medo de bala perdida. Foi uma coisa triste. As pessoas que estavam no ônibus saíram correndo. Tinha uma espécie de estopa dentro do ônibus, que alguém conseguiu tirar. Depois começou um tiroteio no morro e começou a chegar polícia. Acho que bandidos tentaram colocar fogo no ônibus", contou um empresário que não quis se identificar.

Imagem ilustrativa da imagem Bandidos tentam incendiar ônibus e trocam tiros com a PM em Vitória

Segundo a guarda municipal de Vitória, o trânsito na avenida Beira Mar foi interditado por cerca de 40 minutos por viaturas da PM que ficaram atravessadas na pista. O trecho foi liberado por volta das 6h20.

Tiroteio durante a noite

Segundo a polícia, a ação foi uma retaliação após a morte de um suspeito durante uma troca de tiros entre criminosos e policiais da Força Tática do 1º Batalhão na noite de quarta-feira (24). Ele chegou a ser socorrido para o Hospital de Urgência e Emergência, o antigo São Lucas, mas não resistiu aos ferimentos.

A ocorrência aconteceu por volta das 23 horas. Com o suspeito foram apreendidos um revólver calibre 38, 90 pedras de crack, 40 pinos de cocaína, 26 buchas de maconha, 8 bolas de haxixe, 2 rádios comunicadores, além de munições e uma grande quantidade de dinheiro.

De acordo com o secretário de Segurança Pública, coronel Alexandre Ramalho, os militares faziam um patrulhamento de rotina quando se depararam com cinco indivíduos, um deles atirou contra os PMs, dando início ao confronto armado.

"Uma ação, que lamentavelmente, resultou na morte pelo confronto armado. Após a morte desse indivíduo, outros tentaram se manifestar contrários à ação da polícia tentando colocar fogo num ônibus aqui na avenida Beira Mar. Imediatamente foi repelido, novo confronto, vias interditadas para a segurança da população e essa situação é o retrato do que nós vivemos nessa madrugada", disse o secretário.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS