Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Bandidos fazem família refém após troca de tiros com a polícia em Vila Velha

| 10/10/2020 09:12 h | Atualizado em 10/10/2020, 09:38

Bandidos em fuga invadiram uma casa e fizeram uma família refém na noite de sexta-feira (9), em Cobilândia, Vila Velha.

Tudo aconteceu por volta das 21 horas. Quatro suspeitos estavam em um Renault branco que  passou em alta velocidade por uma viatura.

Os policiais consideraram a atitude suspeita e iniciaram uma perseguição. Os PMs chegaram a emitir sinais sonoros, dando ordem de parada, mas os suspeitos não obedeceram.

Local onde bandidos sofreram acidente durante uma perseguição em Cobilândia.
Local onde bandidos sofreram acidente durante uma perseguição em Cobilândia. |  Foto: Kananda Natielly
Houve troca de tiros e, quando passava em uma ponte do bairro, o carro dos suspeitos bateu na mureta de proteção. Os quatro homens saíram do veículo, sendo que três conseguiram fugir e um acabou detido no local.

Os militares pediram reforço da Força Tática para localizar os demais suspeitos.

Durante a fuga, os três bandidos invadiram uma casa e fizeram uma família refém. Com a ajuda de populares, que indicaram a direção para onde os criminosos haviam ido, os militares localizaram a residência.

A polícia fez um cerco e começou a chamar pelos moradores. Em determinado momento, uma senhora apareceu na janela e se recusou a abrir o portão. Como estava muito nervosa, os militares perceberam que ela estava sendo coagida e, em seguida observaram a presença dos bandidos atrás das cortinas.

Os policiais então decidiram invadir a residência e conseguiram render dois suspeitos, sendo que um deles estava escondido debaixo de uma cama. O terceiro bandido conseguiu fugir pela janela da casa.

A moradora contou que ela e a filha foram mantidas sob a mira de armas de fogo ameaçadas de morte. As vítimas não sofreram ferimentos. Já os suspeitos, segundo a PM, apresentavam escoriações no rosto que podem ter sido causadas pelo acidente. Eles recusaram atendimento médico.

Ficamos felizes em tê-lo como nosso leitor! Assine para continuar aproveitando nossos conteúdos exclusivos: Assinar Já é assinante? Acesse para fazer login

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS