Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Aviário vendia pombos como se fossem galetos

| 14/10/2020 16:14 h | Atualizado em 14/10/2020, 16:24

O local é suspeito de vender carne de pombo como se fosse galeto
O local é suspeito de vender carne de pombo como se fosse galeto |  Foto: Divulgação/Polícia Civil
Policiais da Delegacia do Consumidor (Decon), fecharam um aviário suspeito de vender carne de pombo como se fosse galeto. Os agentes também irão realizar vistoria em outros estabelecimentos. A ação aconteceu depois que os agentes receberem diversas denúncias do local.

No estabelecimento, situado no bairro Paraíso, em São Gonçalo, na Região Metropolitana do Rio, a polícia encontrou grande quantidade de aves (pombos, galinhas, patos, codornas, entre outros) sem qualquer tipo de higiene e autorização dos órgãos fiscalizatórios. As informações são do G1.

Polícia fecha aviário em condições precárias de higiene
Polícia fecha aviário em condições precárias de higiene |  Foto: Divulgação/Polícia Civil
As carnes estavam sendo comercializadas com as espécies misturadas, sem nenhum tipo de identificação. O dono do aviário foi preso em flagrante. Além disso, a Polícia Civil informou que o estabelecimento, não tinha autorização dos órgãos de fiscalização.

De acordo com o delegado responsável pela operação, André Luiz Neves, o dono do local alegou que as carnes dos pombos eram usados apenas para rituais religiosos.

No aviário existiam diversas gaiolas com frango vivo e em uma outra, bem ao lado, pombos também vivos
No aviário existiam diversas gaiolas com frango vivo e em uma outra, bem ao lado, pombos também vivos |  Foto: Divulgação/Polícia Civil
"O dono negou que tinha misturado as carnes, ele disse que vendia os pombos que pegava na rua para rituais espirituais e não da carne para consumo. Vamos checar outros estabelecimentos", disse o delegado ao G1.

"Encontramos esse aviário com carnes suspeitas misturadas, tinham muitos pombos misturados com galinha. Fomos lá após recebermos a denúncia e ela bateu, fechamos e lacramos o espaço. O local era totalmente insalubre e não tinha autorização para nada. A gente suspeita que tinha essa mistura (das carnes) mesmo", acrescentou.

Em imagens da interdição divulgadas pela Polícia Civil é possível ver que no aviário existiam diversas gaiolas com frango vivo e em uma outra, bem ao lado, pombos também vivos.

Aviário vendia pombos como se fossem galetos
Aviário vendia pombos como se fossem galetos |  Foto: Divulgação/Polícia Civil
Um consumidor, que não foi identificado, informou que as carnes eram todas misturadas e vendidas. Nas embalagens, a polícia não encontrou nenhuma identificação da procedência das carnes.

Os agentes suspeitam que o estabelecimento seja um abatedouro clandestino de aves.

Todo o material foi encaminhado à perícia para atestar os animais que eram vendidos para o consumidor. 

Ficamos felizes em tê-lo como nosso leitor! Assine para continuar aproveitando nossos conteúdos exclusivos: Assinar Já é assinante? Acesse para fazer login

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS