Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Amigos são mortos a tiros em bairro da Serra

| 06/08/2021 09:48 h | Atualizado em 06/08/2021, 10:06

Dois amigos foram assassinados na noite desta quinta-feira (05) em Vila Nova de Colares, na Serra. Com o crime, sobe para três o número de mortos no bairro em menos de 24 horas. É que na noite anterior, um homem não identificado também foi executado a tiros na região.

Rua onde amigos foram mortos em Vila Nova de Colares, na Serra.
Rua onde amigos foram mortos em Vila Nova de Colares, na Serra. |  Foto: Júlia Afonso

O crime de quinta-feira aconteceu por volta das 22h. Os amigos Joabe Conceição de Oliveira, 32, e Fabrício da Silva, 37, estavam na rua Itaipu quando foram atingidos pelos disparos.

Joabe teve uma perfuração no ombro direito, uma na perna direita, uma nas costas e duas nas nádegas. Já Fabrício foi atingido 16 vezes: no braço, abdômen, tórax, costas, nuca e ombro. Ninguém soube informar para a polícia como os atiradores chegaram e nem porquê teriam cometido o crime.

Avó levava foto de Joabe Conceição de Oliveira para igreja para orar pelo neto.
Avó levava foto de Joabe Conceição de Oliveira para igreja para orar pelo neto. |  Foto: Júlia Afonso

De acordo com os moradores do bairro, Joabe era coletor de recicláveis e Fabrício também ajudava no serviço. A avó dele contou que o neto chegou a almoçar com ela na tarde de quinta-feira, ajudou nas tarefas domésticas, e depois foi embora. Mal sabia ela que essa seria a última vez que veria Joabe.

"Depois de almoçar, ele varreu a casa, pegou uns ferros que eu tinha separado para ele levar para a reciclagem e foi embora. De noite, quando eu voltei da igreja, recebi a notícia. Não sei porque fizeram isso. Para mim o Joabe era um neto bom, sempre me ajudava. Estou me sentindo muito mal, é um pedaço da gente que vai embora", lamentou a aposentada.

Na quarta-feira, às 23h, outro homicídio foi registrado em Vila Nova de Colares, na rua Alfredo Galeno. Dessa vez, a vítima não foi identificada. O homem, que aparentava ter entre 25 e 35 anos, foi encontrado caído na rua, com cinco perfurações pelo corpo. Ninguém soube informar como o crime aconteceu. Todos os casos serão investigados pela Polícia Civil.

Ficamos felizes em tê-lo como nosso leitor! Assine para continuar aproveitando nossos conteúdos exclusivos: Assinar Já é assinante? Acesse para fazer login

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS