X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Esporte Pernambuco

Sport pode ser punido pelo STJD e ter que jogar sem torcida. Entenda.

Procurador do STJD fez o pedido como medida cautelar de segurança imediata



Imagem ilustrativa da imagem Sport pode ser punido pelo STJD e ter que jogar sem torcida. Entenda.
Tribunal do Futebol ainda não definiu medidas punitivas |  Foto: Divulgação/STJD

A Procuradoria da Justiça Desportiva ingressou com Medida Cautelar no Superior Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol solicitando que o Sport realize seus futuros jogos com portões fechados e perca a carga de ingressos como visitante. O pedido foi feito depois que, segundo o STJD, torcedores do clube atacaram o ônibus do Fortaleza após o jogo entre as equipes, em partida válida pela Copa do Nordeste. A decisão final caberá a presidência do tribunal que deve se posicionar ainda nesta sexta-feira (23).

O pedido foi feito pelo procurador do STJD, Ronaldo Piacente, como medida de segurança imediata. Ainda não há denúncia da procuradoria. O código desportivo determina que o clube é responsável e pode ser punido por atos de suas torcida dentro da "praça desportiva", ou seja, o estádio e suas cercanias. O atentado ao ônibus do Fortaleza aconteceu em um trecho da BR-232, a cerca de 6 km da Arena de Pernambuco, local da partida. 

Ontem (22) o STJD divulgou nota sobre o atentado contra o ônibus do Fortaleza, e informou que "por se tratar de infração ocorrida fora do estádio, o Tribunal do Futebol destaca que a competência para análise e denúncia é exclusiva da Secretaria de Segurança Pública do estado". E ainda: "cumpre destacar ainda que, caso haja a identificação dos responsáveis pelos atos, a Procuradoria analisará possíveis medidas contra as torcidas identificadas". A decisão final agora será da presidência do STJD.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: