X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Assine A Tribuna
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Cidades

Treinador de futebol que estuprou e matou adolescente em 2016 é condenado

Crime aconteceu em São Lourenço da Mata e na época chocou a população da cidade


Imagem ilustrativa da imagem Treinador de futebol que estuprou e matou adolescente em 2016 é condenado
Pena aplicada foi de 37 anos de prisão |  Foto: Divulgação/MPPE

O Tribunal do Júri de São Lourenço da Mata, município da Região Metropolitana do Recife, condenou na última terça-feira (28) o réu José Luciano Silva do Nascimento pelas práticas de homicídio qualificado, ocultação de cadáver e estupro de vulnerável contra um adolescente de 13 anos. A sentença completa foi de 37 anos de reclusão, que serão cumpridos inicialmente em regime fechado. O Judiciário também não concedeu ao réu o direito de apelar em liberdade.

De acordo com o Promotor de Justiça Raul Lins, o crime trouxe muita consternação aos moradores de toda a cidade de São Lourenço da Mata, onde viviam a vítima e seus familiares, e virou notícia em veículos de imprensa.

"A violência e a perversidade extraídas do caso causaram perplexidade e revolta, não apenas para a família, mas para muitos moradores de São Lourenço da Mata. Ao final, que a pena imposta promova a Justiça necessária para a situação e acalente, um pouco, o coração enlutado da mãe e dos demais familiares", destacou Raul Lins.

O segundo acusado de participação no crime, Edilson Batista dos Santos Barbosa, ainda aguarda a marcação da data do julgamento. Com base nas investigações, ele teria sido cúmplice de José Luciano na prática dos crimes.

ENTENDA O CASO

Segundo o MPPE, com base nas investigações policiais, José Luciano Silva do Nascimento trabalhava como treinador de escolinha de futebol como meio de aproximar-se de adolescentes que moravam em São Lourenço da Mata. Um deles foi o menino de 13 anos, a quem o réu teria prometido ajudar a conseguir testes para categorias de base.

No dia 9 de março de 2016, José Luciano atraiu a vítima para as imediações de um campo de futebol na Vila do Reinado, em São Lourenço da Mata, onde abusou sexualmente do adolescente. Em seguida, com o intuito de assegurar a impunidade desse crime, ele e Edilson teriam agredido o jovem, produzindo lesões na sua cabeça e jogando-o em um alagado, onde veio a falecer por afogamento.

Diante da repercussão desse crime, a Câmara dos Deputados avalia transformar o dia 9 de março no Dia Nacional de Combate à Violência e ao Racismo no Esporte, por meio do Projeto de Lei nº 5.323/2019. No momento, a proposta legislativa aguarda deliberação na Comissão do Esporte.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: