search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Pai e avô são presos acusados de abusar sexualmente de adolescente em Vitória

Notícias

Publicidade | Anuncie

Polícia

Pai e avô são presos acusados de abusar sexualmente de adolescente em Vitória


Os acusados foram presos pela equipe da Delegacia de Proteção à Criança e Ao Adolescente (Foto: Divulgação / SESP)
Os acusados foram presos pela equipe da Delegacia de Proteção à Criança e Ao Adolescente (Foto: Divulgação / SESP)

Um homem de 41 anos foi preso suspeito de abusar e explorar sexualmente da própria filha, uma adolescente de 15 anos. A prisão foi feita pela equipe da Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) e aconteceu nesta quinta-feira (30).

O mandado de prisão temporária foi cumprido em Vitória, mas o bairro e município onde acontecia os abusos não foi revelado para preservar a vítima.

Segundo o titular da DPCA, o delegado Diego Aleluia Barcelos, os abusos e a exploração sexual começaram quando a menor tinha 13 anos.

As investigações apontaram também que o sogro do acusado, um aposentado de 61 anos, também mantinha relações sexuais com a vítima com o consentimento do pai. O aposentado foi preso no dia 10 de julho deste anos, em cumprimento de um mandado de prisão temporária pelo crime.

O delegado informou ainda que as investigações continuarão e que há outras pessoas envolvidas no crime. “Outras pessoas estão envolvidas nesse crime, por isso continuamos as diligências para prender esses suspeitos.

Qualquer informação a respeito desse e de outros crimes contra crianças e adolescentes pode ser repassada à polícia por meio do Disque-Denúncia 181”, destacou.

Os suspeitos responderão pelos crimes de estupro de vulnerável e exploração sexual. Eles foram encaminhados à Penitenciária Estadual de Vila Velha V (PEVV-V), onde permanecem à disposição da Justiça.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados