search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Paciente em ala de Covid ganha festa de aniversário e até sopra velas do bolo

Notícias

Publicidade | Anuncie

Coronavírus

Paciente em ala de Covid ganha festa de aniversário e até sopra velas do bolo


Um paciente de 57 anos internado em uma ala com pacientes em tratamento de Covid-19 recebeu uma festa de aniversário, com direito a soprar velas, em uma Unidade Pronto-Atendimento de Mossoró, no Rio Grande do Norte.

Um vídeo divulgado em redes sociais mostra a ala cheia de convidados cantando parabéns para o paciente, que estava usando uma máscara de oxigênio. Ao final, uma acompanhante ainda tira a máscara para que ele pudesse soprar as velas.

gente pelamordedeus o omi internado com covid e a mulher ainda tira o respirador pra ele soprar em cima do bolo e a enfermeira diz que vai distribuir pra todo mundo da enfermaria pic.twitter.com/Kd9zZ1nj4O

— escambichada desquartuda (@gordoretoreal) (carregando tweet...) https://twitter.com/gordoretoreal/status/1402381412775366661?ref_src=twsrc%5Etfw">June
8, 2021

Uma profissional de saúde ainda comenta no vídeo que vai partir o bolo e distribuir entre os convidados e pacientes.

O caso gerou polêmica nas redes e causou a abertura de uma investigação para apurar as circunstâncias da festa por parte da Secretaria de Saúde do município potiguar, que confirma que o homem está em tratamento contra Covid-19.

"A Secretaria Municipal de Saúde de Mossoró tem clareza de que a conduta mostrada nas imagens não condiz com os protocolos de biossegurança de enfrentamento à Covid-19 amplamente adotados pela pasta e que são válidos para as unidades de Saúde do município. Iremos apurar o caso, uma vez que, só tomamos conhecimento do fato pelas redes sociais", informou a pasta ao portal G1.

De acordo com a secretaria, a festa foi planejada pela esposa do paciente e contou com a ajuda da equipe médica da unidade. O bolo, porém, não foi distribuído no local e depois foi devolvido à mulher.

A pasta informou ainda que os funcionários foram advertidos e o processo administrativo aberto.