X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Alison e Álvaro caem nas quartas, e Brasil está fora do pódio no vôlei de praia pela 1ª vez

| 04/08/2021 07:41 h

A dupla de vôlei de praia Alison e Álvaro foi eliminada das Olimpíadas de Tóquio-2020, nesta terça-feira (3, horário de Brasília), já manhã de quarta (4) no Japão. Os brasileiros perderam as quartas de final para Martins Plavins e Edgar Tocs, da Letônia, por 2 sets a 0 (21/16 e 21/19).

Alison e Álvaro
Alison e Álvaro |  Foto: Reprodução / Twitter TimeBrasil

Alison e Álvaro eram a última possiblidade de pódio para o Brasil no esporte. Com a derrota, pela primeira vez o Brasil fica sem medalha no vôlei de praia desde a estreia da modalidade em Olimpíadas, em 1996, nos Jogos de Atlanta. Foram 13 medalhas até hoje, ao menos duas por edição.

Em Atlanta-1996, Jaqueline e Sandra conquistaram o ouro, e Mônica e Adriana, a prata. Em Sydney-2000, o Brasil teve seu melhor resultado. Foi prata com Adriana Behar e Shelda, e também com José Marcos e Ricardo. Com Adriana e Sandra, conquistou o bronze.

Ricardo e Emanuel foram ouro em Atenas-2004, enquanto Adriana Behar e Shelda repetiram a prata. Em Pequim-2008, as mulheres não conquistaram medalha. Márcio e Fábio ficaram com a prata, enquanto Ricardo e Emanuel foram bronze.

Quatro anos depois, Emanuel e Alison foram prata, enquanto Juliana e Larissa, bronze. Já no Rio de Janeiro, o Brasil também teve bom resultado. Alison e Bruno Schmidt foram ouro, enquanto Ágatha e Bárbara conquistaram a prata.

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em nosso grupo do Telegram

MATÉRIAS RELACIONADAS