search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

New York Times publica vídeo opinativo de Felipe Neto sobre Trump e Bolsonaro

Entretenimento

Publicidade | Anuncie

Famosos

New York Times publica vídeo opinativo de Felipe Neto sobre Trump e Bolsonaro


Felipe Neto (Foto: Reprodução / Twitter)
Felipe Neto (Foto: Reprodução / Twitter)
O jornal norte-americano The New York Times publicou um vídeo em que o youtuber brasileiro Felipe Neto faz críticas ao presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e do Brasil, Jair Bolsonaro, nesta quarta-feira, 15.

Em seu site, o jornal explica que "o sr. Neto não costuma comentar sobre política normalmente". "Ele geralmente prefere entreter seus 38 milhões de seguidores no YouTube com suas críticas bem-humoradas à cultura pop."

"Mas, conforme a quantidade de mortos aumenta, ele se torna mais franco. E a mensagem dele não é voltada apenas para os brasileiros - também é para os americanos", prossegue o texto. "Sou um youtuber brasileiro e crio vídeos engraçados, gerando opções de entretenimento para famílias ao redor do mundo. Mas, hoje, não estou aqui para fazer humor diante de uma plateia nova E quando o palhaço precisa falar sério, você sabe que provavelmente o circo está pegando fogo", se apresenta Neto.

Na sequência, Felipe opina que "Jair Bolsonaro é o pior presidente do mundo" em relação à forma de lidar com a pandemia do novo coronavírus. São exibidas, então, algumas declarações polêmicas que o youtuber acredita terem ajudado o político em sua eleição.

O youtuber também compara a polêmica envolvendo um comício de Trump em Tulsa, no Estado de Oklahoma, em 20 de junho, durante a pandemia, com diversas aparições públicas de Bolsonaro, como em uma ida à padaria, um passeio de jet ski, e sua participação em manifestações.

Felipe Neto cita a defesa da hidroxicloroquina por parte de Bolsonaro, ressaltando que "não há evidência" do uso do medicamento contra a covid-19 e citando a imposição para que o Ministério da Saúde liberasse a substância para todos os pacientes.

Também são lembradas as demissões de Luiz Henrique Mandetta e Nelson Teich do cargo de ministro da saúde, ocupado interinamente por Eduardo Pazuello.

Um trecho da reunião de Bolsonaro com ministros em que o presidente defende armar a população para evitar uma ditadura também é exibido.

Em seguida, Felipe Neto relembrou declarações de Bolsonaro durante a pandemia do novo coronavírus, conforme os números de mortes aumentavam no Brasil.

Entre elas, "Não sou coveiro, tá?", "E daí? Lamento. Quer que eu faça o quê?" e que a morte é o "destino de todo mundo".

Por fim, o youtuber opina que a "amizade" entre Trump e Bolsonaro é "crucial" para a popularidade do brasileiro. "Se você está pensando no que pode fazer para ajudar o Brasil a lidar com o nosso lunático, por favor, não reeleja o seu. Neste novembro, vote para manter Trump fora da Casa Branca", encerra.

 15, 2020 


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados