search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

“Não tenho vergonha nem pudor”, diz Paolla Oliveira

Entretenimento

Publicidade | Anuncie

Famosos

“Não tenho vergonha nem pudor”, diz Paolla Oliveira


A atriz Paolla Oliveira (Foto: Reprodução/ Instagram @paollaoliveirareal)
A atriz Paolla Oliveira (Foto: Reprodução/ Instagram @paollaoliveirareal)
A atriz Paolla Oliveira, 38, contou que não tem pudor em fazer cenas de nudez na TV e no cinema. A revelação foi feita em live para o Canal Brasil. No papo, ela também disse que as pessoas têm uma imagem errada dela, o que já a prejudicou na busca por papéis.

“Muitas vezes as pessoas têm uma imagem errada de mim e não me convidam para viver certos personagens. Será que a Paolla Oliveira topa ficar feia? Será que a Paolla Oliveira aceita parecer mais velha? Cria-se uma imagem em torno do meu nome. Ela é grande, não vai querer fazer esse trabalho. Aí, sou eu que tenho que falar que quero fazer”, lembrou.

Isso aconteceu quando ela interpretou a policial lésbica Danny Bond da série “Felizes para Sempre?” (Globo). Segundo ela, teve de brigar para fazer o papel. No cinema ela salienta que também procura por personagens diferentes: “Gostaria de fazer algo que ninguém me imaginaria fazendo”.

Paolla já viveu cenas com pouca roupa nas produções. Uma das mais clássicas foi justamente na série citada, de 2015, quando, de fio-dental, atravessou uma cortina de uma varanda.

Para ela, o tema pudor não existe, e as pessoas deveriam lidar melhor com esse tipo de coisa. “Muitas vezes fui questionada: ‘você faz muitos papéis assim’. Mas as pessoas não sabem dos outros que eu recusei. Eu fiz essas escolhas. Se a tua sensualidade ajudar a contar aquela história, é válido. Não tenho vergonha nem pudor”, destacou.

O tipo físico, porém, já trouxe problemas para ela, sobretudo na época em que trabalhava como modelo. “Já perdi trabalho por causa do meu corpo. Fui muito de deixar levar e ser pressionada por estereótipos e cobranças”, disse.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados