Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

História do hard rock! Eddie Van Halen nos deixou aos 65 anos

| 09/10/2020 13:52 h

Eddie Van Halen, um dos maiores guitarristas da história, morreu aos 65 anos. O músico há anos lutava contra um câncer na garganta e não resistiu.

"Eu não acredito que estou escrevendo isso, mas meu pai, Edward Lodewijk Van Halen, perdeu sua longa e árdua batalha contra o câncer esta manhã. Ele foi o melhor pai que eu podia ter pedido. Todo momento que dividi com ele, dentro e fora do palco, foi uma bênção. Meu coração está partido e eu não creio que vá algum dia me recuperar totalmente desta perda. Eu te amo muito pai", escreveu o filho do músico, Wolfgang Van Halen, que tocou baixo na última formação do Van Halen, a banda que Eddie formou com seu irmão e baterista, Alex Van Halen, nos anos 70, e que se tornou uma das maiores da história do hard rock.

Dotado de um talento raro, Eddie é um daqueles músicos que de fato revolucionaram o seu instrumento. O músico não só tinha um som totalmente único, graças à sua guitarra, a Frankenstrat, criada e patenteada por ele, como também técnicas inovadoras que introduziu no rock, como o tapping, em que percutia com a mão direita as notas no braço do instrumento.

O Van Halen já causou sensação desde sua estreia, com a combinação da técnica de Eddie e Alex, o bom humor e o carisma do vocalista David Lee Roth e o baixo eficiente e os vocais de apoio de Michael Anthony. O álbum homônimo de 1978 é um dos grandes clássicos do rock americano e trazia a instrumental "Eruption" que fez, e faz, gerações de guitarristas quebrarem a cabeça tentando tocá-la.

Essa formação gravou seis discos que culminaram no multiplatinado "1984", lançado naquele ano, de onde saíram os singles clássicos "Jump", "Panama" e "Hot For Teacher".

A saída de Lee Roth foi um baque grande, mas que acabou sendo bem absorvido pela banda e público. Os álbum subsequentes com Sammy Hagar, que também se tornou um segundo guitarrista, foram igualmente bem sucedidos e tornaram a banda figura constante nas rádios e MTV.

O grupo só não aguentou a uma nova mudança de vocalista. O álbum "Van Halen III", com Gary Cherone não foi bem recebido e o Van Halen entraria em hibernação. Em 2003 houve uma reunião com Hagar, mas ela não rendeu um novo álbum, e Roth retornaria à banda, agora sem Michael Anthony, em 2007. Foi essa formação que gravou, em 2012, "A Different Kind of Truth", o 12° e último trabalho de estúdio.

Ficamos felizes em tê-lo como nosso leitor! Assine para continuar aproveitando nossos conteúdos exclusivos: Assinar Já é assinante? Acesse para fazer login

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS