search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Mulher é acusada de maus-tratos a cães

Notícias

Publicidade | Anuncie

Polícia

Mulher é acusada de maus-tratos a cães


Vizinhos de um canil de Pitbulls localizado na Praia do Morro, em Guarapari, denunciaram a proprietária do local por maus-tratos aos animais.

Segundo os moradores, cachorros mais fracos eram deixados no canil para que os Pitbulls atacassem os animais.

Uma moradora filmou do alto de um prédio um cachorro branco sendo atacado pelos Pitbulls no começo da manhã desta quarta-feira (8). O quintal do canil foi visto pelos vizinhos como um verdadeiro octógono.

“Não é a primeira vez que assistimos essa cena. No mês passado registramos um cachorro sendo morto pelos Pitbulls. É desesperador. Crianças assistem essas cenas. Na maioria das vezes são filhotes deixados dentro do canil dos Pitbulls, e eles atacam esses animais”, disse uma moradora que prefere não ser identificada por medo de represálias.

No vídeo, os dois cachorros da raça Pitbull puxavam uma das patas do cachorro até conseguir arranca-la por completo. (Foto: Reprodução)
No vídeo, os dois cachorros da raça Pitbull puxavam uma das patas do cachorro até conseguir arranca-la por completo. (Foto: Reprodução)
No vídeo, os dois cachorros da raça Pitbull puxavam uma das patas do cachorro até conseguir arranca-la por completo. A Polícia Civil e o Centro de Controle do Zoonoses (CCZ) foram acionados.

O cachorro foi encontrado morto. A dona do local explicou a polícia que o animal em questão estava preso em um dos canis, e acabou fugindo.

“Ela disse que o cachorro estava lá, porque uma pessoa não podia criar e ela estava ficando com o animal. Mas infelizmente ele fugiu e foi atacado pelos Pitbulls que estavam soltos”, esclarece o delegado Marcelo Santiago, titular da Delegacia de Infrações Penais e Outras (DIPO).

Outra vizinha do canil disse que toda semana ouve os cachorros latindo muito e chega a jogar comida para eles.

“Às vezes a dona desaparece uns dois, três dias, eu jogo ração para eles por cima do muro. Talvez os cachorros não são tão assassinos assim, mas a maneira que são criados, acabam se tornando cachorros agressivos. Essa situação não pode continuar assim”, comentou.

O vice-presidente da Associação de Moradores da Praia do Morro Caiê Hofstatter, declara que ele e os vizinho vão representar contra a mulher, e espera que a dona do canil seja punida.

“Isso não pode ficar assim. Ela maltrata os animais há mais de ano. Já denunciamos diversas vezes ao Zoonoses. Entendemos que o Zoonoses não pode leva-lo porque se trata de animais agressivos. Mas precisamos da intervenção de outras pessoas para que esses animais possam ser resgatados e melhor cuidados”, declara Ciaê.

A mulher foi ouvida na 5ª Delegacia Regional de Guarapari pelo delegado Marcelo Santiago. Ela assinou um termo circunstanciado e foi liberada.

Se for comprovado os maus-tratos, o delegado frisou que a dona do canil pode responder por maus tratos. Na vistoria do CCZ foi verificado que os animais tinham alimentação, água e não apresentavam sinais de maus-tratos.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados