search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Motorista atrasa entrega de vacinas depois de passar horas em prostíbulo

Notícias

Publicidade | Anuncie

Polícia

Motorista atrasa entrega de vacinas depois de passar horas em prostíbulo


Um motorista da Secretaria de Saúde de Santo Antônio do Leste, a 379 km de Cuiabá, que fazia o transporte de vacinas contra Covid-19 e Influenza, foi preso na noite desta quarta-feira (5), depois de não comparecer ao local da entrega e nem responder às tentativas de contato da Secretaria de Saúde da cidade, que aguardava doses dos imunizantes.

Diante da falta de resposta do motorista, o secretário procurou a Polícia Civil e registrou um boletim de ocorrência. 

Motorista atrasa entrega de vacinas depois de passar horas num prostíbulo (Foto:  Divulgação/Prefeitura de Santo Antônio do Leste)Motorista atrasa entrega de vacinas depois de passar horas num prostíbulo (Foto: Divulgação/Prefeitura de Santo Antônio do Leste)

O homem foi encontrado horas depois por policiais, com sinais de embriaguez, justificando que havia parado em um prostíbulo.

Em depoimento à polícia, ele informou que foi para uma casa de prostituição em Primavera do Leste depois que retirou as doses no Escritório Regional de Rondonópolis.

De acordo com informações do G1, a Secretaria de Saúde do município informou que afastou o motorista do cargo e abriu um procedimento administrativo para investigar a atitude dele.

Segundo a secretaria, as vacinas não foram prejudicadas, porque os policiais levaram as doses para a cidade assim que o motorista foi preso.

O suspeito foi encaminhado à delegacia e as doses foram entregues ao município para armazenamento.

Entrar no grupo do WhatsApp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna Online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp.