search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Ministério da Justiça e Segurança Pública abre seleção com 35 vagas e salário de R$ 8.300

Notícias

Publicidade | Anuncie

Concursos

Ministério da Justiça e Segurança Pública abre seleção com 35 vagas e salário de R$ 8.300


O Ministério da Justiça e Segurança Pública definiu a entidade organizadora de nova seleção com 35 vagas de nível superior para áreas relacionadas à tecnologia, e o edital pode ser publicado em breve.

O processo seletivo será realizado pelo Instituto AOCP. Conforme publicado no Diário Oficial da União, a seleção será destinada a carreira de atividades técnicas de complexidade gerencial de tecnologia da informação e de engenharia sênior.

As chances serão para os cargos de engenheiro de dados (10), analista de governança de dados (13) e cientista de dados (12). Todas as funções oferecem remuneração de R$ 8.300. Para todos os cargos, é preciso ter formação superior na área de informática/computação ou graduação em qualquer área com pós-graduação em informática/computação.

Os candidatos devem ainda possuir experiência profissional em funções relacionadas às áreas, conforme as especificações de cada função.

A previsão é de que as contratações tenham duração inicial de quatro anos, com possibilidade de prorrogação, conforme as necessidades do projeto Sinep Big Data e Inteligência Artificial do Ministério da Justiça, em que atuarão os profissionais selecionados.

O projeto promove a integração de dados em larga escala para auxiliar na elaboração de políticas públicas de combate à criminalidade, às organizações criminosas e à corrupção.

Segundo o Ministério da Justiça, o projeto Big Data e Inteligência Artificial será entregue em etapas ao longo dos próximos quatro anos e contará com 11 ferramentas. Ele será compartilhado com estados e municípios para auxiliar nas políticas de segurança pública.

Com a organizadora definida, o edital de abertura da seleção deve ser publicado até o dia 19 de maio, data limite definida pela portaria que autorizou a abertura da seleção, que foi publicada em novembro de 2019.

O próximo passo é a formalização e assinatura do contrato com a organizadora, com a publicação do edital logo em seguida.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados