search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Maia tem 229 voos na FAB levando 2.131 caronas
Cláudio Humberto
Cláudio Humberto

Cláudio Humberto


Maia tem 229 voos na FAB levando 2.131 caronas

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, é o recordista absoluto de uso dos jatos da Força Aérea Brasileira (FAB), neste ano, no total de 229 viagens e inacreditáveis 2.131 passageiros transportados – na nossa conta, claro.

Maia não é o único a aproveitar a regalia. O uso dos aviões da FAB é restrito ao vice-presidente da República, ministros de Estado e aos presidentes do Supremo, da Câmara e do Senado.

Também aproveitaram
Os presidentes Dias Toffoli (STF) e Davi Alcolumbre (Senado) também aproveitam, mas números de Maia fazem o uso deles parecer irrisório.

Viagens supremas
Até a terça (3), Dias Toffoli já havia realizado 87 viagens “a serviço” em jatinhos da FAB, na companhia de um total de 1.091 passageiros.

Nunca comeu melado
Alcolumbre fez 43 viagens, levando 743 pessoas com ele, entre fevereiro e terça (3). Incluindo passeio nos EUA em plena Black Friday.

Malandragem oficial
Como os custos são sigilosos por envolverem aeronaves militares, os políticos deitam e rolam, sem prestar conta do gasto a quem paga: nós.

MRE ignora promessa de dispensar chineses de visto
Durante a visita à China, em outubro, o presidente Jair Bolsonaro prometeu que os chineses ficariam isentos de pedidos de visto para visitar o Brasil. Mas até agora nada andou, nem sequer uma comissão foi constituída para estudar a proposta. À época, o governo informou que não havia data definida para a medida. Os diplomatas não gostam da ideia. Veem a questão dos vistos sob o aspecto da reciprocidade.

Estudo improvável
O Ministério das Relações Exteriores se limitou a dizer que “a área técnica do ministério estuda a medida”, mas não há indícios disso.

Pequeno sinal
Atualmente, turistas brasileiros podem permanecer em território chinês até três dias sem visto, caso estejam em trânsito.

Chineses viajam
Atualmente, 60 mil chineses visitam o Brasil por ano. Mas 141 milhões de chineses viajam ao exterior anualmente, segundo a Embratur.

Mãos bobas
A deputada Paula Belmonte (Cidadania-DF) fez as contas: para aumentar o Fundão Sem Vergonha para financiar a campanha eleitoral de 2020 com R$ 3,8 bilhões, será retirado dinheiro da saúde (R$ 500 milhões), infraestrutura (R$ 380 milhões) e educação (R$ 280 milhões).

Fim do cartório
Reúne-se nesta semana a comissão para discutir a medida provisória que extingue um dos maiores cartórios do País, de 55 seguradoras: o seguro obrigatório do DPVAT, que arrecadou R$ 4,7 bilhões em 2018.

Ninguém tasca
Desembargador do TJ-SP resolveu ignorar a independência dos poderes e suspendeu a tramitação da reforma da Previdência estadual. É o setor público se negando a abrir mão de privilégios e regalias.

Dorminhoco influente
O Conselho de Ética da Câmara vota amanhã pedido de cassação do deputado Boca Aberta (Pros-PR), acusado de “iniciar tumulto” com vídeo de um médico que estava dormindo na UPA de Jataizinho (PR).

Dívida resgatada
O governo de Angola antecipou o pagamento de sua dívida de US$ 589 milhões (cerca de R$ 2,4 bilhões) que deveria ser paga até o ano de 2024. Os angolanos chegaram a dever US$ 5 bilhões ao Brasil.

Malandragem francesa
O presidente francês Emmanuel Macron armou confusão contra Bolsonaro, durante o G-7, e recentemente contra Trump, na Otan, para desviar atenção dos impressionantes protestos contra ele, em seu país.

Ócio dá nisso
Dez petistas fizeram a Comissão de Trabalho da Câmara chamar o presidente do Banco do Brasil, Rubem Novaes, para “esclarecer” amanhã declarações sobre privatização que Bolsonaro já esclareceu.

Piada pronta
Amanhã, 10, é celebrado o Dia do Palhaço. Mas após a aprovação do fundão eleitoral de R$ 3,8 bilhões no Congresso, bem que poderia ser rebatizado de Dia do Contribuinte Brasileiro.

Pensando bem...
...Hoje é dia do alcoólatra recuperado. Se fosse do petista encarcerado, haveria garoto-propaganda.

Poder sem pudor

A última noitada de JK
Cinco dias antes de morrer, Juscelino Kubitschek teve sua última noitada no Eron Palace Hotel, em Brasília. Queria porque queria dançar com a amiga Vera Brant ao som da música “Peixe Vivo”, sua favorita.

Era uma segunda-feira e a boate estava fechada, mas pedidos de JK eram ordens para Eron Alves da Cruz, o dono, que mandou o sobrinho Eraldo buscar o DJ. JK dançou pela última vez, sob os olhares de Eron e Eraldo, na versão disponível de “Peixe Vivo”, em espanhol. Na manhã seguinte, foi de avião a São Paulo, para depois viajar de carro ao Rio. Morreria na estrada.

Colaboram: André Brito e Tiago Vasconcelos
 

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Cláudio Humberto

TSE se inclina a rejeitar ‘abuso de poder religioso’

Os ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) têm divergido da pretensão legisladora do ministro Edson Fachin, de criminalizar suposto “abuso de poder religioso” na influência de pastores, bispos …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Privatização é só da boca para fora, no Congresso

Empresário de sucesso, habituado a ver suas decisões cumpridas sem demora, Salim Mattar fez um intensivão de política e sobre “a vida como ela é” na gestão pública, quando chefiou a Secretaria de …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Senado se aproveita do luto para gozar folga

Apesar de todas as regalias e privilégios, como salários até 15 vezes maiores que o mercado privado, o Senado não perde a oportunidade de levar vantagem em tudo. Até no momento em que seu presidente, …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Centrão nega “compromisso” para derrubar veto

O deputado Arthur Lira (PP-AL), líder do PP e do “centrão”, negou ontem compromisso de participar da articulação para derrubar o veto do presidente Jair Bolsonaro à prorrogação da desoneração da …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Maia não mexe nos juros criminosos dos cartões

Os juros criminosos das administradoras dos cartões de crédito chegam até a 600% ao ano, mas ninguém é enquadrado em crime de usura e a prática extorsiva ainda ganhou a proteção do presidente da …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Brasil reage e pode retaliar hostilidade da Noruega

A Noruega está na mira do governo pelas hostilidades ao Brasil, sob argumentos falaciosos. A hipocrisia norueguesa é conhecida: acusa o Brasil de “destruir a Amazônia”, para pretextar o boicote aos …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Governo decide reagir a falácias sobre Amazônia

O governo deve abandonar a atitude passiva e reagir, no mesmo tom, aos ataques e ou ameaças de boicote produtos brasileiros sob argumentos distorcidos ou até falaciosos sobre a Amazônia. “Chegou no …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Ação sobre dossiê prosperou mesmo sem prova

O suposto dossiê sobre servidores militantes de partidos de oposição, atribuído ao Ministério da Justiça, já estaria no campo da “fake news” se o “vale-tudo” não estivesse em vigor, no Supremo …


Exclusivo
Cláudio Humberto

“PEC do Fraldão” amplia idade-limite para o STF

Movimenta os bastidores de Brasília um conchavo ousado, que oscila entre o “sonho” e o golpe institucional, para aprovação de uma “PEC do Fraldão”, ampliando de 75 para 80 anos a idade-limite de …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Achou pouco? Moraes presidirá a eleição de 2022

Indignados com Alexandre de Moraes, que no Supremo Tribunal Federal (STF) tem anulado atos do presidente, processado seus seguidores e até cancelado o direito deles à liberdade de expressão, …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados