search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Justiça decreta prisão preventiva de ex-deputado flagrado com R$ 1,9 milhão

Notícias

Publicidade | Anuncie

Política

Justiça decreta prisão preventiva de ex-deputado flagrado com R$ 1,9 milhão


Dinheiro estava escondido em uma caixa de televisão (Foto: Divulgação / Polícia Federal)
Dinheiro estava escondido em uma caixa de televisão (Foto: Divulgação / Polícia Federal)
O juízo da 11ª Vara da Justiça Federal do Ceará decretou na noite desta sexta, 20, a prisão preventiva do ex-deputado Adail Carneiro, que foi flagrado com R$ 1.988.635,00 escondidos em uma caixa de televisão durante a Operação Km Livre 2, aberta no dia anterior, 19.

Adail foi um dos principais alvos da investigação que mira fraudes na contratação de serviços de locação de veículos e motocicletas, com desvio de recursos públicos, fraudes em licitações e lavagem de dinheiro. Na primeira fase da operação, aberta em 2016, a PF apreendeu quase R$ 6 milhões em dinheiro vivo no cofre de uma empresa ligada ao então parlamentar.

A partir dos valores e objetos apreendidos na primeira fase da ofensiva, a corporação identificou a atuação da organização criminosa na criação de empresas com participação de ‘laranjas’, além de indícios de fraudes em licitações, desvios de recursos públicos e lavagem de dinheiro com aquisição de imóveis, empresas e transações no mercado financeiro.

Segundo os investigadores, há ‘fortes evidências de lavagem de dinheiro ilícito por meio da aquisição clandestina de corretoras valores e de sociedades em conta de participação do ramo de energia eólica, com a ajuda estratégica de operadores do mercado financeiro’.

Ainda segundo a PF, a organização criminosa investigada atua há cerca de vinte anos e, desde então, ‘tem obtido consecutivos e progressivos êxitos nas empreitadas criminosas objeto de investigação’.

A reportagem busca contato com o ex-deputado Adail Carneiro. O espaço está aberto para manifestações.

Entrar no grupo do WhatsApp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna Online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados