search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Jovem executado em festa em Guarapari era acusado de matar casal nas Três Praias

Notícias

Publicidade | Anuncie

Polícia

Jovem executado em festa em Guarapari era acusado de matar casal nas Três Praias


Lorrayne Santiago Vieira, 16 anos, e Fábio dos Santos Kill, 20, nas Três Praias, em 2014 (Foto: Reprodução/Facebook)
Lorrayne Santiago Vieira, 16 anos, e Fábio dos Santos Kill, 20, nas Três Praias, em 2014 (Foto: Reprodução/Facebook)

O jovem morto durante uma festa em Guarapari na madrugada deste domingo (24), era um dos réus do assassinato do casal Lorrayne Santiago Vieira, 16 anos, e Fábio dos Santos Kill, 20, crime ocorrido nas Três Praias, em 2014.

Matheus Montenegro Jesus estava em uma casa de eventos no bairro Fátima Cidade Jardim, quando foi morto a tiros, no domingo (24).

Quem estava na festa disse à polícia que alugaram a casa para uma confraternização e que, durante o evento, dois homens encapuzados entraram no local e foram em direção a Matheus e realizaram diversos disparos de arma de fogo contra ele. Os bandidos fugiram do local.

A perícia constatou cinco perfurações, sendo quatro na região do tórax e uma na cabeça. O corpo do jovem foi levado para o DML em Vitória, e já foi liberado para a família para o sepultamento.

Crime nas Três Praias

Matheus Montenegro Jesus, um dos acusados de matar casal em Guarapari (Foto: Reprodução/Instagram)
Matheus Montenegro Jesus, um dos acusados de matar casal em Guarapari (Foto: Reprodução/Instagram)

Matheus chegou a ser preso quando tinha 19 anos, dois meses depois do assassinato do casal nas Três Praias. Na época, ele foi se apresentar espontaneamente na delegacia acompanhado do advogado e após prestar esclarecimentos foi comunicado que havia um mandado de prisão em aberto no nome dele.

Matheus e mais quatro pessoas acusadas do duplo homicídio foram a julgamento três anos depois, em dezembro de 2017. O júri popular foi realizado no Fórum Desembargador Gregório Matos, em Guarapari, pelo juiz Eliezer Mattos Schurrer Júnior.

Os quatro foram acusados de homicídio doloso, quando há intenção de matar e, desde o início, o processo correu em segredo de Justiça.

O assassinato do casal chocou a população de Guarapari. No dia do crime, Lorrayne e Fábio haviam saído de casa para tomar um açaí e desapareceram. A moto deles foi encontrada abandonada nas Três Praias e os corpos só apareceram no local no dia seguinte.

Após dois dias de julgamento, os réus foram absolvidos e soltos. O Ministério Público recorreu da absolvição e um novo julgamento do caso deve acontecer ainda este ano. 

Entrar no grupo do WhatsApp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna Online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados