search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Jornalista Fernando Caetano morre aos 50 anos em Marília

Esportes

Publicidade | Anuncie

Esportes

Jornalista Fernando Caetano morre aos 50 anos em Marília


Fernando Caetano trabalhou na ESPN e Fox Sports (Foto: Reprodução Instagram)Fernando Caetano trabalhou na ESPN e Fox Sports (Foto: Reprodução Instagram)

O mundo esportivo brasileiro amanheceu de luto e mais triste neste domingo (9) com a notícia da morte do carismático e sempre sorridente repórter Fernando Caetano, ex-ESPN e Fox Brasil. As causas da morte não foram divulgadas, mas o jornalista havia sofrido um infarto há 15 dias, estava em recuperação e possivelmente teve uma parada cardíaca na madrugada.

Natural de Marília, interior de São Paulo, o repórter trabalhou por anos na ESPN, depois mudou-se para a Fox Sports, da qual acabou saindo após reformulação do grupo Disney no fim do ano.

Formado pela PUC de São Paulo, Fernando Caetano iniciou a carreira na rádio Jovem Pan, antes de brilhar na televisão. Atualmente morava com os pais em sua cidade natal, onde desenvolvia novos projetos para retomar a carreira.

Fernando era o tipo de repórter que todo mundo gostava. Sempre com sorriso no rosto, demonstrando alto astral e esbanjando alegria, fazia do jornalismo algo fácil. De voz marcante, não tinha medo de perguntar. Suas entrevistas eram como se batesse um papo com amigos.

A morte ocorreu nesta madrugada e muitos amigos, familiares e jornalistas lamentaram a precoce perda. "Meu coração está despedaçado, tio. Obrigada por tanto. Te amo infinito", lamentou a sobrinha Nelize.

A irmã Simone foi quem deu a triste notícia pelas redes sociais. Diversos jornalistas fizeram questão de prestar uma última homenagem ao repórter e solidariedade à família. Clubes de futebol também lamentaram a perda.

"O Corinthians lamenta a morte do repórter Fernando Caetano, que nos últimos anos passou por FOX Sports e ESPN Brasil, dentre outros veículos. O clube se solidariza com a perda e deseja força aos parentes e amigos do jornalista", postou o clube.

A despedida a Fernando Caetano será entre 10 e 14 horas deste domingo, na sala 4 do Velório Municipal de Marília.