X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Internacional

Rússia acusa Ucrânia de intensificar ataques durante eleição para pedir mais ajuda do Ocidente


A Rússia acusa a Ucrânia de ter intensificado "ações terroristas" em meio às eleições presidenciais russas a fim de mostrar atividade e pedir mais assistência e armas a aliados do Ocidente. A alegação consta de comunicado emitido pelo Ministério de Relações Exteriores russo em resposta aos bombardeios realizados por Kiev em cidades da Rússia neste sábado, 16.

"O incessante bombardeio da infraestrutura civil do nosso país pelas Forças Armadas da Ucrânia visa perturbar o processo de expressão da vontade da população civil, intimidando as pessoas e privando-as da oportunidade de votar", diz a nota. "Todos esses casos de influência terrorista na expressão da vontade das pessoas serão cuidadosamente registrados, serão devidamente investigados e os perpetradores serão severa e inevitavelmente punidos."

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: