X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Assine A Tribuna
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Internacional

Premiê da Índia discute sobre guerra na Ucrânia com líder da Áustria, após encontro com Putin


O primeiro-ministro da Índia, Narendra Modi, discutiu sobre a guerra da Ucrânia nesta quarta-feira, 10, com o chanceler da Áustria, Karl Nehammer, enfatizando a necessidade de diplomacia um dia depois de se encontrar com o presidente da Rússia, Vladimir Putin, em Moscou.

Em seus comentários, Modi disse em termos gerais que ele e Nehammer tiveram "amplas discussões" sobre todos os conflitos mundiais, incluindo a Ucrânia. O primeiro-ministro indiano comentou que "os problemas não podem ser resolvidos no campo de batalha" e que "a perda de vidas inocentes não é aceitável, onde quer que ocorra".

Nehammer afirmou aos repórteres que era importante entender a posição da Índia sobre a Ucrânia e transmitir as preocupações da Europa. Ele disse que foi um "sinal importante e significativo" o fato de a Índia ter participado de uma cúpula na Suíça no mês passado e acrescentou que a Áustria poderia atuar como um "construtor de pontes" para ajudar a levar adiante os esforços de paz.

A visita de Modi a Moscou, um parceiro de longa data de Nova Délhi, foi a primeira desde a invasão russa em grande escala da Ucrânia.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: