X

Olá, faça o seu cadastro para ter acesso a este conteúdo

*Você não será cobrado

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Para proteger de furacão, homem leva 300 animais abandonados para casa. Veja fotos

| 21/10/2020 17:07 h | Atualizado em 21/10/2020, 18:27

O mexicano, Ricardo Pimentel, resolveu salvar toda sua família incluindo os animais que mantém em um abrigo que fundou com a ajuda de voluntários
O mexicano, Ricardo Pimentel, resolveu salvar toda sua família incluindo os animais que mantém em um abrigo que fundou com a ajuda de voluntários |  Foto: Reprodução/Redes Sociais
Preocupado com o furacão Delta, que recentemente devastou o México e colocou todos em alerta máximo, o fundador do abrigo para animais abandonados Tierra de Animales, Ricardo Pimentel, decidiu levar 300 desses animais para a sua casa para protegê-los durante a passagem do furacão.

O caso chamou a atenção nas redes sociais. Para transportar os animais sem riscos, ele contou com a ajuda de vários voluntários do abrigo. Ricardo também comprou muita comida, para ter um estoque suficiente durante todo o tempo de isolamento.

Em casa, Ricardo dividiu os animais por cômodo. No quarto do filho ficaram os gatos. Já no quarto da filha estavam os pintinhos, os coelhinhos e o ouriço. O pátio coberto da casa, ele deixou as ovelhas. Em uma das salas, cozinha e outras áreas, ele separou os cães. Mas, tudo valeu a pena: todos sobreviveram à tempestade.

O ativista acolheu cães, gatos, coelhos, galinhas e até ovelhas
O ativista acolheu cães, gatos, coelhos, galinhas e até ovelhas |  Foto: Reprodução/Redes Sociais
Durante entrevista ao The Guardian, Ricardo contou que isso resultou em muita bagunça e um cheiro um pouco desagradável, mas ele garantiu que não se arrepende de ter ajudado os animais.

“As coisas que eles quebradas podem ser consertadas ou compradas, mas o que é lindo de ver é eles felizes, saudáveis e seguros, sem ferimentos e com a possibilidade de serem adotados”, afirmou.

Ele disse ainda que não podia ter a chance de não conseguir alimentar todos os cães até o fim da tempestade. Então, para protegê-los, levou-os para casa. Demorou horas para levar todos para dentro.

Herói dos animais e da população

As fotos que ele compartilhou pelo perfil do abrigo logo viralizaram pela região e pelo mundo afora
As fotos que ele compartilhou pelo perfil do abrigo logo viralizaram pela região e pelo mundo afora |  Foto: Reprodução/Redes Sociais
Ricardo Pimentel é protetor e ativista de direitos dos animais no México e responsável pelo abrigo Tierra de Animales.  Ele cuida de animais há pelo menos 10 anos e mantém todos no abrigo em um espaço com os cuidados necessários. Gatos, cachorros, pintinhos, ovelhas, coelhos e um ouriço, resgatado há poucos dias.

As fotos que ele compartilhou pelo perfil do abrigo logo viralizaram pela região e pelo mundo afora, atraindo grande atenção do público, que o chamou de herói.

Na página do Facebook, Pimentel pediu a todos: “Se cuidem, nós já estamos todos protegidos, esperamos que não nos corra tão mal. Quando tudo acabar, vamos precisar de muita ajuda, por favor, se estiver dentro das suas possibilidades, doar para o Tierra de Animales”.

Nas redes sociais, ele viralizou e ficou conhecido como o herói dos animais. Ele ressaltou em seu Facebook que todos estavam protegidos e pediu para que os seguidores se cuidassem: “Quando tudo acabar, vamos precisar de muita ajuda”, escreveu, pedindo doações para o Tierra de Animales.

Ricardo não poupou esforços para salvar os animais
Ricardo não poupou esforços para salvar os animais |  Foto: Reprodução/Redes Sociais
Em entrevista a um programa de televisão, Pimentel ainda se usou como exemplo, afirmando que se ele conseguiu abrigar 300 cães em sua casa, uma pessoa comum poderia adotar um animal de rua.

Furacão

A costa sudeste do México foi atingida pelo furacão na manhã de 7 de outubro. De acordo com o Centro Nacional de Furacões, o Delta tinha ventos de 175 quilômetros por hora, o que o colocou na categoria 2.

O abrigo Tierra de Animales agora pede a ajuda de voluntários para continuar dando um lar para centenas de animais abandonados. Ele proporciona um lar, comida e cuidados para diversas espécies e conta com doação de dinheiro, ração e tempo de quem puder ajudar.

Veja mais fotos

Quer receber as últimas notícias do Tribuna online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp

MATÉRIAS RELACIONADAS