X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Internacional

Lula encontra papa Francisco no Vaticano com Guerra da Ucrânia na pauta

Nas redes sociais, Lula disse apenas que agradece ao pontífice, primeiro latino-americano a liderar a Igreja Católica, pela audiência realizada


O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e a primeira-dama Rosângela da Silva, a Janja, tiveram um encontro com o papa Francisco, no Vaticano, nesta quarta-feira (20). Eles chegaram por volta das 14h20 no horário local (9h20 em Brasília), posaram para fotos e tiveram uma audiência privada com o pontífice.

O principal tema da conversa girou em torno da Guerra da Ucrânia, em que tanto Lula quanto o líder da Igreja Católica estão empenhados em promover conversas em busca da paz.

Veja mais notícias Internacionais aqui

Após o encontro, a Santa Sé disse, em nota, que houve uma "troca positiva de pontos de vista sobre a situação sociopolítica" e que foram abordados temas de interesse comum, como a luta contra a pobreza, o respeito aos povos indígenas e a proteção ao meio ambiente.

Na tradicional troca de presentes, Janja ofereceu ao papa uma gravura de autoria do artista pernambucano J.F. Borges e uma imagem da Nossa Senhora de Nazaré —Lula convidou o papa a visitar a procissão católica do Círio de Nazaré, que ocorre em outubro em Belém, no Pará.

O papa, por sua vez, ofereceu alguns itens a Lula, entre eles uma placa de baixo relevo em bronze com a escrita em italiano: "A paz é uma flor frágil". "Estamos em tempo de guerra, e a paz é muito frágil", disse Francisco falando em espanhol ao presidente brasileiro, mostra vídeo compartilhado por Lula no Twitter.

Nas redes sociais, Lula disse apenas que agradece ao pontífice, primeiro latino-americano a liderar a Igreja Católica, pela audiência realizada no Vaticano e pela "boa conversa sobre a paz no mundo".

Leia mais:

Família britânica oferece R$ 600 mil por ano de salário para "babá" de cães

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: