Login

Atualize seus dados

FRANÇA

Jogadora do PSG é presa acusada de mandar espancar colega de time

A suspeita é que a jogadora tenha organizado o ataque para ficar com lugar da colega no time

10/11/2021 14:50:35 min. de leitura

Imagem ilustrativa da imagem Jogadora do PSG é presa acusada de mandar espancar colega de time
As jogadoras Aminata Diallo e Kheira Hamraoui (da esq. p/ a dir.) | Foto: Reprodução/Instagram @psg_feminines
 

Jogadora do Paris Saint-Germain, Aminata Diallo foi presa, nesta quarta-feira (10), acusada de arquitetar um ataque contra a companheira de time, Kheira Hamraoui, de 31 anos, na última quinta (4). De acordo com o jornal "L'Équipe", a suspeita é que a meia armou para que Kheira fosse agredida por bandidos com barras de ferro.

O crime, que está sendo investigado pela Polícia Regional de Versalles, aconteceu após a veterana passar a noite em um restaurante com outras colegas do PSG, na capital francesa. Quando saiu do local, Kheira foi assaltada por dois homens encapuzados e precisou ser encaminhada para um hospital, com urgência. A jogadora teve que levar pontos nas pernas e nas mãos.

Na última terça-feira (9), o clube francês enfrentou o Real Madrid, pela Champions League, e, por conta das lesões sofridas, Hamraoui precisou ficar de fora. Por outro lado, Diallo conseguiu um lugar como titular, mas acabou sendo substituída durante a vitória do PSG por 4 a 0.

Após o ocorrido, o jornal francês levantou suspeitas de que Diallo teria armado o ataque contra Kheira, em disputa por posição, tanto no PSG quanto na seleção francesa. 

Por meio de nota, o Paris Saint-Germain afirmou que condena a violência cometida contra sua jogadora e que irá contribuir com as investigações.