search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Hora de aprender lições que chegam do exterior
Coluna do Estadão

Andreza Matais e Marcelo de Moraes


Hora de aprender lições que chegam do exterior

O desenrolar da tragédia brasileira mostra que nem o governo nem uma grande quantidade de brasileiros aprendeu muito com o sacrifício de nossos 400 mil compatriotas: o mundo nos avisa sobre uma terceira onda da pandemia da Covid-19, porém, a vida segue à espera de um milagre capaz de evitá-la.

“Não é uma questão de se haverá, mas quando haverá a próxima onda”, disse à coluna o governador Renato Casagrande (PSB-ES). Outra “lição” do “mundo exterior”: um governante instruído e informado pode fazer a diferença, nos ensina Joe Biden.

Mais lição. Para salvar vidas, também vale mudar de posição e virar as costas para o negacionismo, como nos ensina Boris Johnson.

Já era? “Uma parcela grande da população parece não se importar. Continua aglomerando, não usa máscaras. Considero essa uma batalha perdida. A única coisa que pode impedir ou diminuir a potência (da onda) é a vacina, que estamos com dificuldade neste semestre”, diz Casagrande.

Amém. Para o segundo semestre, porém, o governador tem boas expectativas: acredita na meta de 70% da população vacinada até o final do ano. E deposita esperanças na Butanvac, a vacina brasileira.

A ciência salva. O Núcleo Interinstitucional de Estudos Epidemiológicos do Espírito Santo estima que entre 875 e 1.133 pessoas tiveram a vida poupada, desde o final de março até a metade deste mês, graças às medidas restritivas adotadas no Estado.

Oiê. O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), vice-presidente da CPI da Covid-19, quer convocar Airton Cascavel para depor. Homem forte de Eduardo Pazuello na Saúde, ele vinha passando batido do radar da comissão.

CLICK. Luciano Huck fez vídeo sobre Gil do Vigor (foto), do reality BBB, para discutir educação e mobilidade social. Resultado: 7,8 milhões de visualizações em dois dias.

Sem agenda? Mesmo já tendo sido reconhecido como um erro sem precedentes na articulação política do governo deixar a CPI correr solta, o Planalto não mudou de postura. Até ontem, não havia ocorrido uma única reunião com os (poucos) governistas do colegiado. Nem sequer com os assessores da turma.

Calma. A leitura, entre parlamentares e palacianos, é de que a nova ministra da Secretaria de Governo, Flávia Arruda, ainda não acertou o passo da articulação política e do cargo.

Fatura. Por ora, o boleto da desarticulação ainda mantém o nome de Luiz Eduardo Ramos, hoje na Casa Civil, junto com o de sua sucessora, Flávia.

Condição. O grupo de Bruno Covas no PSDB só aceita apoiar o atual vice-governador de São Paulo, Rodrigo Garcia, para disputar o Bandeirantes em 2022 se puder indicar o vice.

Aplausos. A deputada Fernanda Melchionna (Psol-RS), bibliotecária de formação, conseguiu as assinaturas necessárias (103, no mínimo) para fazer tramitar uma emenda que proíbe um novo tributo, proposto pelo governo federal, de incidir sobre livros.

2022. Hoje, às 19 horas, Antonio Neto, presidente da Central dos Sindicatos Brasileiros, reúne Ciro Gomes, Luiz Henrique Mandetta, Alexandre Kalil e Marcio França (PSB) em live sobre a conjuntura política.

Pronto, falei!

"Além do absurdo e da insensibilidade, interdita o debate saudável
e necessário”.

Felipe Salto, diretor executivo do IFI, sobre Paulo Guedes dizer que o Fies pagou universidade para “filho de porteiro”

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Coluna do Estadão

Capitais já projetam Carnaval em 2022

Enquanto o País conta seus mortos e o medo de uma terceira da onda da Covid-19 ainda persiste, algumas capitais, como Rio, Recife e Salvador, fornecem motivos para sonhar: já projetam o carnaval …


Exclusivo
Coluna do Estadão

O ponto de partida para a fase “follow The Money”

A CPI da Covid já tem em mãos o documento sigiloso que será seu ponto de partida para apurar se alguém se deu bem financeiramente com a empulhação do “tratamento precoce”: nada menos que 42 empresas …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Governo avança em projeto que muda o Imposto de Renda

O projeto de lei que vai modificar o Imposto de Renda (IR) de pessoas física e jurídica está na fase final de elaboração no governo. A expectativa é de que o martelo seja batido na segunda-feira. …


Exclusivo
Coluna do Estadão

“Carreiras de Estado” viram ponto de discórdia

O presidente da comissão especial da PEC da reforma administrativa, Fernando Monteiro (PP-PE), afirma ser importante incluir desde já no texto as carreiras típicas de Estado, como diplomatas, …


Exclusivo
Coluna do Estadão

No centro, falta voto e sobra desconfiança

Apesar de louvável, a iniciativa de reunir expoentes do centro numa rodada de diálogo ainda não despertou entusiasmo nos bastidores do grupo. A bigorna amarrada às expectativas é uma: quem está …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Nove ministros tomam vacina; Onyx segue chefe

Enquanto Jair Bolsonaro não se vacina contra a Covid-19, pelo menos nove de seus 23 ministros já receberam ao menos a primeira dose. Paulo Guedes, Tereza Cristina e Augusto Heleno tomaram a Coronavac…


Exclusivo
Coluna do Estadão

Aras diz ter respeitado autonomia de subalterno

A um interlocutor, Augusto Aras disse não haver espaço para interferência no Ministério Público e que a prerrogativa de autonomia funcional é “sagrada”. Foi assim, segundo ele, no caso do inquérito …


Exclusivo
Coluna do Estadão

João Doria vê vacina como seu 'Plano Real'

João Doria acredita que a vacinação dos paulistas e dos brasileiros estará para ele como o Plano Real esteve para FHC na campanha de 1994: tornou o então presidenciável do PSDB conhecido em todo o …


Exclusivo
Coluna do Estadão

PSD e MDB na segunda onda do centro político

A pouco mais de um ano da campanha eleitoral, uma nova onda começa a se formar nos mares do centro: diante das dificuldades do PSDB, da indecisão de Luciano Huck e do naufrágio de João Amoêdo, PSD e …


Exclusivo
Coluna do Estadão

Administrativa pode privilegiar policiais

Mesmo relutante, Jair Bolsonaro deu “ok” para a Câmara tocar a reforma administrativa. Mas impôs condições: 1) o texto precisa ser mais claro na preservação dos direitos dos servidores atuais; …