search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Histórias de capixabas que driblaram a crise e se reinventaram

Notícias

Publicidade | Anuncie

Cidades

Histórias de capixabas que driblaram a crise e se reinventaram


Para driblar a crise financeira causada pela pandemia de Covid-19 e garantir uma renda extra, algumas pessoas precisaram se reinventar e contaram com persistência, dedicação e com a ajuda da internet para alcançar o sucesso. Profissionais que perderam o emprego, precisaram mudar o foco de seus negócios, inovar no mercado ou criar estratégias para se reerguer.

São histórias de superação, criatividade e força de vontade para ir à luta em um momento sem precedentes vividos por todos. Histórias que inspiram pela capacidade de transformar momentos obscuros, tristeza e medo em ações positivas para recomeçar em meio ao caos.

Conheça algumas histórias inspiradoras de capixabas que driblaram a crise e se reinventaram. Eles anunciaram o trabalho nos 'Classificados do TN', quadro do Tribuna Notícias 1ª Edição, da TV Tribuna e, após as participações, receberam muitas encomendas.

A cozinha do autônomo Pedro Alves, hoje vive movimentada. A produção de saladas não para e conta com a ajuda da família toda. A quantidade de pedidos triplicou desde março, quando ele decidiu anunciar o trabalho nos 'Classificados do TN'. Ele foi primeiro a aparecer na telinha no vídeo exibido no dia 27 de março. Por meio da divulgação pela televisão, ele conta que os pedidos não param de chegar. Aos 60 anos, Pedro deixou o trabalho como fotógrafo e assumiu a cozinha. Hoje a venda das saladas é a única fonte de renda da família.

Pedro e a esposa Célia apostaram no preparo de saladas para garantir a renda da família. (Foto: Reprodução/TV Tribuna)
Pedro e a esposa Célia apostaram no preparo de saladas para garantir a renda da família. (Foto: Reprodução/TV Tribuna)

“No quadro 'Classificados do TN', tivemos a oportunidade de divulgar para mais pessoas o nosso negócio. Foi algo muito bom para a gente. É legal porque pessoas param a gente na rua e falam: 'Óh, eu te vi lá na Tribuna! O que você faz mesmo?' Aí eu aproveito para apresentar a salada e já faço mais clientes. Nossa venda de saladas triplicou. Eu, Celia e Júlia – minha esposa e filha – fazemos toda a produção com muito cuidado e carinho e atualmente, sobrevivemos apenas com a venda das saladas", contou Alves.

A boleira Tainara Silva recebeu muitas encomendas após participar do quadro. (Foto: Reprodução/TV Tribuna)
A boleira Tainara Silva recebeu muitas encomendas após participar do quadro. (Foto: Reprodução/TV Tribuna)
Histórias como a da Tainara Silva, uma boleira de mão cheia, fez tanto sucesso que no dia seguinte ao anúncio o celular dela ficou travado de tantas mensagens com encomendas.

"Foi um prazer ter participado dos 'Classificados do TN', pois foi um quadro que abençoou muito não só a minha vida financeira, mas também trouxe algo muito importante que é o reconhecimento do meu trabalho, que é o sonho de todo o empreendedor individual. No dia que a reportagem passou, o meu telefone não parou de tocar! Tenho que confessar que meu telefone travou de tantas mensagens e pedidos. Fechei várias encomendas naquela semana. Desde então, eu tenho trabalhado bastante, graças a Deus", relatou Tainara.

A professora Luciene Alvarintho Almeida passou a fazer pães caseiros depois da pandemia. (Foto: Reprodução/TV Tribuna)
A professora Luciene Alvarintho Almeida passou a fazer pães caseiros depois da pandemia. (Foto: Reprodução/TV Tribuna)
A professora de Educação Física, Luciene Alvarintho Almeida, passou a fazer pães caseiros depois da pandemia. A divulgação alavancou as vendas e hoje, mesmo com a rotina voltando ao normal, não pensa em parar de produzir os pães.

"Em meio à pandemia, comecei a produzir os ‘Pães Caseiros da Lu’ com a receita que é exclusiva da minha mãe. Com a minha participação no quadro da TV Tribuna, consegui aumentar muito o número de clientes. Estou muito feliz e não pretendo parar de vender os pães", disse Luciene.

Bolos, pães camas para pet, kits festas, saladas, biscoitos, instrumentos de pesca... Aqui quem se reinventou ganhou voz. Foram diversos vídeos divulgados no quadro que abriu uma janela para autônomos enquanto a realidade fechava portas.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados