search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Governo vai demitir servidor que fraudou auxílio
Cláudio Humberto
Cláudio Humberto

Cláudio Humberto


Governo vai demitir servidor que fraudou auxílio

Após constatar que impressionantes 396.316 servidores fraudaram o auxílio emergencial de R$ 600 pagos pelo governo a pessoas pobres, o próximo passo do governo, por meio da Controladoria Geral da União (CGU) será “separar o joio do trigo” para depois “literalmente, cortar cabeças”, segundo o ministro Wagner Rosário afirmou à coluna. Serão poupados só aqueles cujos nomes e CPFs foram usados por golpistas.

No banco dos réus
Servidores que embolsaram os R$ 600 serão demitidos a bem do serviço público e responderão por crimes como peculato e falsidade ideológica.

Afano milionário
Entre os 396.316 agentes públicos que afanaram quase R$ 280 milhões (exatos R$ 279.674.400,00) estão 17.551 militares da União.

Que vergonha
A CGU também identificou um total de 7.236 servidores federais, mas a grande maioria (371.529 servidores) está no Distrito Federal, estados e municípios.

Estão na mira
O ministro-chefe da CGU afirmou que tem como identificar os servidores que cometeram fraude para se apropriar do dinheiro público do auxílio.

Gasolina adulterada põe 12 mil aeronaves em risco
As crescentes denúncias de graves problemas decorrentes da gasolina de aviação (AVGAS), que passou a ser importada desde 2018, ligou o alerta na Associação de Pilotos e Proprietários e Aeronaves (AOPA). De acordo com boletim da Anac, há relatos de problemas como a corrosão de peças em aeronaves abastecidas em 45 aeródromos, mas o Brasil tem hoje cerca de 12 mil aeronaves que usam esse tipo de combustível.

Cavalo paraguaio
Eterno candidato à prefeitura do Recife, o deputado Daniel Coelho (Cida-PE) vai para a terceira disputa consecutiva. Na primeira, em 2012, teve 27,6% dos votos, em 2016 caiu para 18,5%, agora flerta com os 10%.

Perigo tem nome
As denúncias começaram quando oficinas identificaram teor de chumbo maior que o normal no combustível e acúmulo excessivo em peças.

Já são 73 incidentes
AOPA e Anac criaram juntas um formulário para relatos de problemas pelos pilotos. Desde 4 de junho foram 73 incidentes relativos ao AVGAS

Sem problemas
O problema envolvendo o AVGAS importado em nada afeta o transporte de passageiros, já que os aviões maiores utilizam querosene de aviação.

Que vergonha, ANS
O Ministério Público Federal já não precisa de pretexto para investigar as relações dos planos de saúde com a “agência reguladora” ANS. Outra vez, a agência agiu a serviço dos planos recorrendo à Justiça para desobrigá-los de custear testes de Covid dos segurados. Que vergonha.

É tortura?
Dorinha Rezende (DEM-TO) quer aumentar em 50% o tempo de rádio e TV de propagandas eleitorais este ano. Atualmente, cada propaganda tem 10 minutos. Ela quer 15, mais 100 minutos diários. Valha-nos, Deus.

Chá de sumiço
Servidores notam a ausência de Davi Alcolumbre (DEM-AP), presidente do Senado, desde a operação Medida por Medida, da Polícia Federal, na sua terra natal, Macapá. Já deixou de presidir três sessões.

Somos bons pagadores
Entre janeiro e maio, aumentou só 0,5 ponto percentual a inadimplência de pessoa física, segundo o Instituição Fiscal Independente (IFI). Ainda assim, a inadimplência é menor em 2020 que na crise de 2015 a 2017.

Sem chance de dar certo
Além do projeto do Senado de suposto “combate” fake news, há mais de 50 projetos de lei que tramitam na Câmara dos Deputados que tratam do mesmo assunto. Todos flertando com limites à liberdade de expressão.

Dentro da expectativa
Segundo o Relatório de Acompanhamento Fiscal de julho do Instituto Independente Fiscal do Senado, a expectativa é de que o Produto Interno Bruto brasileiro retraia 6,5% em 2020, após a crise da pandemia.

Pensando bem...
...em breve vão faltar palavras para subir o tom entre o STF e o governo.

DEM de Maia reage
PEC do senador Marcos Rogério (RO), do DEM de Rodrigo Maia, cria “instrumentos de controle de excessos” da Justiça: autoriza o Congresso a sustar decisões judiciais. A PEC é endossada por 27 senadores.

Poder sem pudor

Mãos que cortam

Ulysses Guimarães discursava num comício “Diretas Já”, durante o regime militar, em Manaus, quando jogaram uma corrente nos fios de alta tensão, provocando blecaute. Depois, outro gaiato (ou araponga) cortou o fio do microfone. O “Senhor Diretas” desistiu: “Vou dar a vocês o que vocês querem: a voz do governador Mestrinho.” Gilberto Mestrinho atacou: “Amazonenses! O canalha que cortou o fio que se cuide, pois a mesma coisa poderá acontecer com as suas mãos!” A plateia sabia que governador Mestrinho foi acusado de fazer a mesma coisa num comício de Jânio Quadros, nos anos 1960, e nem por isso perdeu as mãos.

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Cláudio Humberto

Bolsonaro tende a crescer e deve passar dos 40%

Presidente do Paraná Pesquisa, primeiro a detectar há quase um mês o crescimento da avaliação positiva do governo Bolsonaro, Murilo Hidalgo explicou a esta coluna que o levantamento do Datafolha, …


Exclusivo
Cláudio Humberto

TSE se inclina a rejeitar ‘abuso de poder religioso’

Os ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) têm divergido da pretensão legisladora do ministro Edson Fachin, de criminalizar suposto “abuso de poder religioso” na influência de pastores, bispos …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Privatização é só da boca para fora, no Congresso

Empresário de sucesso, habituado a ver suas decisões cumpridas sem demora, Salim Mattar fez um intensivão de política e sobre “a vida como ela é” na gestão pública, quando chefiou a Secretaria de …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Senado se aproveita do luto para gozar folga

Apesar de todas as regalias e privilégios, como salários até 15 vezes maiores que o mercado privado, o Senado não perde a oportunidade de levar vantagem em tudo. Até no momento em que seu presidente, …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Centrão nega “compromisso” para derrubar veto

O deputado Arthur Lira (PP-AL), líder do PP e do “centrão”, negou ontem compromisso de participar da articulação para derrubar o veto do presidente Jair Bolsonaro à prorrogação da desoneração da …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Maia não mexe nos juros criminosos dos cartões

Os juros criminosos das administradoras dos cartões de crédito chegam até a 600% ao ano, mas ninguém é enquadrado em crime de usura e a prática extorsiva ainda ganhou a proteção do presidente da …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Brasil reage e pode retaliar hostilidade da Noruega

A Noruega está na mira do governo pelas hostilidades ao Brasil, sob argumentos falaciosos. A hipocrisia norueguesa é conhecida: acusa o Brasil de “destruir a Amazônia”, para pretextar o boicote aos …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Governo decide reagir a falácias sobre Amazônia

O governo deve abandonar a atitude passiva e reagir, no mesmo tom, aos ataques e ou ameaças de boicote produtos brasileiros sob argumentos distorcidos ou até falaciosos sobre a Amazônia. “Chegou no …


Exclusivo
Cláudio Humberto

Ação sobre dossiê prosperou mesmo sem prova

O suposto dossiê sobre servidores militantes de partidos de oposição, atribuído ao Ministério da Justiça, já estaria no campo da “fake news” se o “vale-tudo” não estivesse em vigor, no Supremo …


Exclusivo
Cláudio Humberto

“PEC do Fraldão” amplia idade-limite para o STF

Movimenta os bastidores de Brasília um conchavo ousado, que oscila entre o “sonho” e o golpe institucional, para aprovação de uma “PEC do Fraldão”, ampliando de 75 para 80 anos a idade-limite de …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados