search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Funcionários da limpeza pública fazem manifestação para pedir vacina contra Covid

Notícias

Publicidade | Anuncie

Coronavírus

Funcionários da limpeza pública fazem manifestação para pedir vacina contra Covid


Trabalhadores seguiram para a Sesa (Foto: Fábio Nunes/ AT/ 19/04/2021)Trabalhadores seguiram para a Sesa (Foto: Fábio Nunes/ AT/ 19/04/2021)

Trabalhadores da limpeza urbana e pública fazem uma manifestação na manhã desta segunda-feira (19), em Vitória, para pedir a inclusão da categoria na Campanha de Vacinação contra a Covid-19.

Funcionários das prefeituras da região metropolitana se reuniram na Praça do Papa, na Enseada do Suá, e seguiram para a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), no mesmo bairro.

Segundo a presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Asseio e Limpeza Urbana do Espírito Santo (Sindilimpe-ES), Evani Reis, 1.200 pessoas participaram da manifestação.

Funcionários se reuniram na Praça do Papa, em Vitória (Foto: Júlia Afonso)Funcionários se reuniram na Praça do Papa, em Vitória (Foto: Júlia Afonso)

“O índice de mortalidade na nossa categoria tem sido muito grande, tem aumentado cada dia mais. Foi informado ao sindicato que 20 pessoas morreram com coronavírus só na Grande Vitória”, explicou.

Ela afirmou ainda que o Sindilimpe fez uma solicitação para a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) incluir a categoria, que reúne garis e funcionários de limpeza de escolas e outros locais públicos, no grupo prioritário.

A Sesa informou que "é justa e legítima toda demanda por vacina e que neste momento o país deveria estar vacinando amplamente a população atingindo todos os setores vinculados a atividades essenciais, assim como pessoas com comorbidades, e já avançando na população adulta e jovem. No entanto, a indisponibilidade de doses impede que a Campanha de Vacinação Contra a Covid-19 avance em outros segmentos.

Esclarece que outras metodologias de vacinação já foram adotadas em outros países considerando que trabalhadores de atividades essenciais sejam inseridos junto com a vacinação de pessoas idosas e adultas com comorbidades. No entanto, não é esta a opção do Plano Nacional do Ministério da Saúde em relação aos grupos prioritários, no qual o Espírito Santo segue a indicação.

A Secretaria da Saúde acredita que havendo maior disponibilidade de doses o Ministério da Saúde poderá repensar a estratégia de vacinação no país".

Limpeza das cidades

A prefeitura de Vila Velha destacou que "a coleta sofreu redução devido a paralização nacional da categoria, mas está operando em 30% na manhã desta segunda (19). Solicita a compreensão dos munícipes para contribuírem descartando o lixo apenas na parte da tarde, que é a previsão de retorno normal do efetivo".

Já a prefeitura de Cariacica afirmou que "após diálogo da Prefeitura com o Sindilimpe-ES, a coleta domiciliar e hospitalar foi reestabelecida por volta de 10h30 da manhã desta segunda-feira".

A prefeitura da Serra explicou que "nesta segunda-feira, o serviço de coleta de lixo no município começou com pequeno atraso por conta da manifestação dos trabalhadores da limpeza pública. No entanto, não houve efeitos maiores e o serviço segue normalmente, de acordo com o cronograma divulgado no último sábado, sem acúmulo de lixo pela cidade".

Já a prefeitura de Guarapari disse que "a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) através do Programa Municipal de Imunização, garante que todas as diretrizes e orientações do Programa Nacional e Estadual estão sendo seguidas, acompanhando diariamente as atualizações do colegiado técnico (CIB/ES). Uma das diretrizes é o público alvo a ser imunizado que é estabelecido com base em dados técnicos e epidemiológicos.

O município tem ciência do anseio de todos de se imunizarem e o processo está sendo garantido conforme a disponibilização de doses, estamos avançando nas fases e etapas estabelecidas no Plano de Imunização. Vale lembrar que o município só pode atender ao público solicitado se tiver determinação por parte do Governo Estadual".


 

Entrar no grupo do WhatsApp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna Online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados