search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Festival com 101 filmes de graça

Entretenimento

Publicidade | Anuncie

Entretenimento

Festival com 101 filmes de graça


Maldições com o mestre do terror capixaba, escravidão e lições de vida em 101 filmes! Começa a partir desta terça-feira (24) e vai até domingo (29) a 27ª edição do Festival de Cinema de Vitória.

Com o tema “Sonhar Colorido Faz Bem”, esta é a primeira edição online da mostra, em função da pandemia da Covid-19.

“O Cemitério das Almas Perdidas”, de Rodrigo Aragão, abre o evento. (Foto: Tiago Ferri/Divulgação)
“O Cemitério das Almas Perdidas”, de Rodrigo Aragão, abre o evento. (Foto: Tiago Ferri/Divulgação)

Durante seis dias, serão exibidos longas e curtas-metragens, pelo InnSaei.TV e redes sociais do FCV, divididos em 13 mostras: 12 competitivas e uma fora de competição, além de uma Sessão Especial de Abertura com “Cemitério das Almas Perdidas”, produção assinada pelo cineasta capixaba Rodrigo Aragão.

As sessões começam sempre às 19 horas e ficam disponíveis durante 24 horas. O AT2 publica hoje os filmes que vão participar da 10ª Mostra Nacional de Longas.

Novas mostras e homenagens

Os filmes escolhidos para as 12 mostras competitivas do Festival de Cinema de Vitória estão distribuídos em 11 janelas de exibição na plataforma InnSaei.TV. A programação é atualizada diariamente, às 19h, e fica disponível por 24 horas.

A novidade deste ano é a 1ª Mostra AudioTransVisual. Idealizada por André da Costa, é o resultado de um curso online e gratuito – proposto durante a pandemia –, que possibilitou a formação de 30 alunos trans de 13 estados brasileiros.

O curta "Inabitáveis", de Anderson Bardot, será exibido na 24ª Mostra Competitiva Nacional de Curtas. (Foto: Divulgação)
O curta "Inabitáveis", de Anderson Bardot, será exibido na 24ª Mostra Competitiva Nacional de Curtas. (Foto: Divulgação)

Também vão rolar a 24ª Mostra Competitiva Nacional de Curtas; a 10ª Mostra Competitiva Nacional de Longas; a 10ª Mostra Quatro Estações, com produções que abordam a temática da diversidade sexual; a 9ª Mostra Corsária, com filmes que apresentam pesquisas de linguagem da estética cinematográfica; a 9ª Mostra Foco Capixaba, janela exclusiva para realizadores do Espírito Santo; e a 7ª Mostra Outros Olhares, que propõe a construção de novos mundos a partir de experiências particulares. As produções concorrem ao Troféu Vitória, além de prêmios extras.

Para acessar a plataforma InnSaei.TV, o espectador precisa realizar um cadastro gratuito e conferir os filmes através de celular, computador, tablet e Smart TV.

Os homenageados desta edição do Festival de Cinema de Vitória são o compositor e cantor Gilberto Gil e o produtor, ator, técnico e diretor Claudino de Jesus.


PROGRAMAÇÃO


Terça-feira (24)

Às 19 horas

  • Cerimônia de Abertura
  • Homenagem a Claudino de Jesus
  • Primeira Sessão Competitiva Nacional exibindo:
  • “4 Bilhões de Infinitos”, de Marco Antônio Pereira (MG, 15 min)
  • “Ilhas de Calor”, de Ulisses Arthur (AL, 20 min)
  • “A Morte Branca do Feiticeiro Negro”, de Rodrigo Ribeiro (SC, 10 min)
  • “90 Rounds”, de Juane Vaillant e João Oliveira (ES, 20 min)
  • “Pureza”, de Renato Barbieri (Longa-metragem, DF, 101 min)
  • Sessão Especial de Abertura: “O Cemitério das Almas Perdidas”, de Rodrigo Aragão (ES, 94 min)
  • 7ª Mostra Outros Olhares:
  • “O Que Pode um Corpo?”, de Victor Di Marco e Márcio Picoli (RS, 15 min)
  • “Rebento”, de Vinicius Eliziário (BA, 18 min)
  • “Joãosinho da Goméa - O Rei do Candomblé”, de Janaina Oliveira ReFem e Rodrigo Dutra (RJ, 14 min)
  • “Carta para Dona Quarentena”, de Letícia Braga (ES, 3 min)
  • “Estamos Todos na Sarjeta, mas Alguns de Nós Olham as Estrelas”, de João Marcos de Almeida e Sérgio Silva (SP, 20 min)

Quarta-feira (25)

  • 19h - Segunda Sessão Competitiva Nacional: “Parte do Que Parte Fica”, de Camilla Shinoda (DF); “Manaus Hot City”, de Rafael Ramos (AM); “Ser Feliz no Vão”, de Lucas Santos (RJ); “Inabitáveis”, de Anderson Bardot (ES); “Yãmi~yhex: as Mulheres-Espírito”, de Sueli Maxakali e Isael Maxakali (MG, 76 min)
  • 9ª Mostra Corsária: “Cultural”, de Armando Lima (SP); “Temporal”, de Maíra Campos e Michel Ramos (MG); “O Prazer de Matar Insetos”, de Leonardo Martinelli (RJ); “Pátria”, de Lívia Costa e Sunny Maia (CE); “Naquela Época Devoraram Meus Olhos”, de Cleissa Martins (RJ); “3 Gotas”, de Luiz Will Gama (ES); “O Jardim Fantástico”, de Fábio Baldo e Tico Dias (SP)
  • 3ª Mostra Nacional de Cinema Ambiental: “Raízes” (RJ); “Rocha Matriz” (ES); “Comendo Cérebros” (PR) e “Sirumi” (GO)

Qinta-feira (26)

  • 19h - 3ª Sessão Competitiva Nacional: “Baile”, de Cíntia Bittar (SC); “O Tempo e a Falta”, de Claudiana Braga (ES); “Quinze”, de Isis Caroline (SP); “Perifericu”, de Nay Mendl (SP); “Um Dia com Jerusa”, de Viviane Ferreira (SP); “O Livro dos Prazeres”, de Marcela Lordy (RJ)
  • 10ª Mostra 4 Estações: “Babi & Elvis”, de Mariana Borges (MG); “Agachem, Segurem, Formem, Arrasem”, de Caio Baú (SP); “Bonde”, de Asaph Luccas (SP); “Convictas”, de Kamila Barbosa Ferreira (ES)
  • 3ª Mostra Cinema de Bordas: “Comando Central” (ES); “Nuvem Baixa (SP); “Marta Morta” (SP); “Os Crimes da Rua do Arvoredo” (RS)
  • 1ª Mostra TransAudioVisual: “Tia Iracy Futebol Clube”, “A Neta de Cibele”; “Oficina do Diabo”; “À Procura de Pandora” e “A Hora do Banho”.

Sexta-feira (27)

  • 19h - 4ª Sessão Competitiva Nacional: “Para Todas as Moças”, de Castiel Vitorino Brasileiro (ES); “Jorge”, de Jéferson Vasconcelos (RJ); “O Conforto das Ruínas”, de Gabriela Lourenzato (SP); “Inabitável”, de Matheus Farias e Enock Carvalho (PE); “Chico Rei entre Nós”, de Joyce Prado (SP)
  • 5ª Mostra Mulheres no Cinema: “Seremos Ouvidas”, de Larissa Nepomuceno (PR, 13’); “Angela”, de Marília Nogueira ( MG, 15’); “Esmalte Vermelho Sangue”, de Gabriela Altaf (RJ, 13’); “ Minha História É Outra”, de Mariana Campos (RJ, 22’)
  • 2ª Mostra Do Outro Lado - Cinema Fantástico e de Horror: Náusea (PR, 13’); “ Eu Estou Vivo, (MG, 23’); “Mamãe Tem Um Demônio” (SP, 25’); “As Viajantes” ( SP, 11’)
  • 4ª Mostra Nacional de Videoclipes: “Blá Blá Blá”, de Junior Batista. Artista: Morenna (ES, 3’); “ Killa”, de Jessica Lauane. Artista: Enme (MA, 3’); “Primeiro Remix”, de Raphael Correa. Artista: Antonio e Gustavo Rosseb (SP, 3’); “ Livre pra Viver, de Danilo Laslo”. Artista: Douglas Lopes (ES, 4’); “Gigantesca”, de Letícia Pires. Artista: Mariana Volker (RJ, 4’); “ Pila Pilão”, de Giuliana Danza. Artista: Serelepe (MG, 1’); “Dark Cloud”, de MAGU (Marina Abranches e Gustavo Martins). Artista: Dan Abranches (ES, 4’); “ Fantasmas Talvez”, de Diego Locatelli e Felipe Amarelo. Artista: André Prando (ES, 4’). “Ave de Nós”, de Roberto Mamfrim. Artista: Kanduras (SP, 4’); “Roma”, de Francisco Xavier. Artista: Cinco Nós (ES, 4’); “ Diferenciado”, de Amon e Jeffão. Artista: PTK (ES, 2’); “Náufrago”, de Consuelo Cruz e Pedro Henrique França. Artista: Majur (RJ, 3’); “O Clã”, de Raymundo Calumby. Artista: Isis Broken (SE, 3’); “Texas”, de Felipe Soares. Artista: Kira Aderne e Tárcio Luna (PE, 6’); “Cidadão de Bem, de Cainã Morellato. Artista: Cainã e a Vizinhança do Espelho (ES, 3’); “Sinal Fechado”, de Lucas Sá. Artista: Getúlio Abelha (MA, 6’).
  • 1ª Mostra AudioTransVisual: “Bhoreal”, “Graça em Tempo de Pandemia”, “A Corpa Fala”, “Nelliel”; “Adão”; “A Coisa Tá Russa”

Sábado (28)

  • 19h - Quinta Sessão Competitiva Nacional: “Como Ficamos da Mesma Altura”, (AL, 17'); “Egum”, (RJ, 23'); “Thinya” (PE, 16'); “O Verbo Se Fez Carne” (PE, 6'); “Para Onde Voam as Feiticeiras” (SP, 89’)
  • 5ª Mostra Cinema e Negritude: “Cão Maior”, de Filipe Alves (FIC, DF, 20’); “Terceiro Andar”, de Deuilton B. Júnior (PE, 9’); “Lembrar Daquilo Que Esqueci”, de Castiel Vitorino Brasileiro (ES, 20’); “Alfazema”, de Sabrina Fidalgo (24', RJ)
  • 9ª Mostra Foco Capixaba: “Redundância” de Wayner Tristão; “O Trauma É Brasileiro”, de Castiel Vitorino Brasileiro e Roger Ghil; “Na Terra dos Papagaios”, de Adriana Jacobsen; “Amargo Rio Doce”, de Ricardo Sá; “Zacimba Gaba - Um Raio na Escuridão”, de Tati Rabelo e Rod Linhales.
  • 1ª Mostra TransAudioVisual: “Café com Rebu”; “ Lugar de Origens”, “Amei-a”, “Como Nenhuma Inteligência já Amou”, “Femininação” e “Iauaraete”

Domingo (29)

  • 18h - Homenagem a Gilberto Gil e Premiação
     

SERVIÇO


27º Festival de Cinema de Vitória

Quando: De terça-feira (24) a domingo (29)

Quanto: Gratuito
Transmissão online:InnSaei.TV, YouTube e Redes Sociais do FCV. Cerimônias de Abertura e Encerramento, Premiação, Homenagens e Debates na InnSaei.TV e no YouTube do FCV. Mostras Competitivas, Não Competitivas e Sessão Especial de Abertura no InnSaei.TV. Mostra AudioTransVisual no YouTube FCV.

Entrar no grupo do WhatsApp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna Online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados