search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

EUA liberam vacinação contra Covid para todos os maiores de 16 anos

Notícias

Publicidade | Anuncie

Coronavírus

EUA liberam vacinação contra Covid para todos os maiores de 16 anos


O Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos (CDC, na sigla em inglês) confirma em seu site, nesta segunda-feira (19), que todas as pessoas com 16 anos ou mais já podem receber sua vacina contra o novo coronavírus.

"Tome a vacina contra a covid-19 o mais rápido que puder. A disseminação da vacina é crucial para ajudar a acabar com a pandemia", diz o órgão oficial.

EUA liberam vacinação contra Covid para todos os maiores de 16 anos (Foto: Freepik)EUA liberam vacinação contra Covid para todos os maiores de 16 anos (Foto: Freepik)

No site do CDC, os moradores do país podem encontrar um posto de vacinação próximo. Na maioria dos casos, os locais encarregados da vacinação no país têm agendado previamente os horários para a imunização.

No início do mês, o presidente Joe Biden ordenou que os Estados ampliassem suas campanhas de vacinação para maiores de 18 até esta segunda-feira, mas a maioria deles já havia cumprido a meta antes do prazo determinado.

Nos EUA, nenhuma vacina ainda está autorizada para uso em pessoas menores de 16 anos, mas estudos estão em andamento.

Segundo o CDC, pessoas com mais de 16 anos com condições médicas que podem agravar o risco de desenvolver sintomas graves da covid-19 devem ser priorizadas nesta nova fase da campanha.

Mais da metade dos adultos nos EUA já receberam pelo menos uma dose das vacinas contra a covid-19, de acordo com o CDC.

Apesar do ritmo acelerado da campanha de vacinação, as autoridades de saúde têm alertado que a taxa de novos casos da doença continua elevada e que o país ainda não está fora de risco.


Médias diárias de novos casos e mortes sobem nos EUA

Os Estados Unidos registraram uma alta de 1,1% na média diária de novos casos de coronavírus na última semana em relação aos sete dias anteriores, a 67.443, segundo disse nesta segunda-feira a diretora do CDC do país, Rochelle Walensky, que também informou um aumento de 2,1% nas mortes diárias, a 695, segundo a mesma comparação.

O ritmo da vacinação nos EUA, porém, tem acelerado, e agora um em cada quatro americanos já foram completamente vacinados contra a covid-19, de acordo com Walensky.

O coordenador da força-tarefa da Casa Branca contra a pandemia, Andy Slavitt, disse que 50% dos adultos residentes no país receberam ao menos uma dose das vacinas contra a covid-19. Entre idosos, a taxa é de mais de 80%, afirmou Slavitt.

Walensky alertou para um aumento nas infecções entre jovens nos EUA, logo após o CDC confirmar que americanos com 16 anos ou mais já podem ser imunizadas contra a doença.

Para a coordenadora da agência, a decisão de tornar esta parcela da população elegível à vacinação representa um "tremendo passo" no programa de imunização dos EUA.

Entrar no grupo do WhatsApp

Quer receber as últimas notícias do Tribuna Online? Entre agora em um de nossos grupos de Whatsapp.


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados