X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Esportes

Tottenham contrata Timo Werner por empréstimo junto ao Leizpig


O atacante alemão Timo Werner está de volta ao Campeonato Inglês, cerca de um ano e meio depois de deixar o Chelsea, clube no qual teve uma passagem inconsistente. Mais uma vez, ele terá Londres como casa, mas agora para defender o Tottenham, que o anunciou como reforço nesta segunda-feira. A contratação é por empréstimo de seis meses junto a RB Leipzig, da Alemanha, com opção de compra ao fim do período.

No curto prazo, Werner chega aos Spurs como uma opção para suprir a ausência de Son Heung-Min, que se juntou à seleção da Coreia do Sul para disputar a Copa da Ásia e pode ser desfalque até o dia 10 de fevereiro, caso os sul-coreanos sejam finalistas. Para o alemão, é uma boa oportunidade de reconquistar espaço na seleção nacional, para a qual não é convocado desde março do ano passado.

A principal motivação para aceitar a proposta do Tottenham, segundo o atacante, foi o estilo de jogo do treinador Ange Postecoglou. "Ele me deu imediatamente a sensação de que preciso ingressar no clube - é o que quero sentir quando você fala com um técnico. Também as táticas e o estilo, como ele quer jogar, como ele deixa o time jogar. Pensei imediatamente que se encaixava perfeitamente para mim", disse.

Revelado pelo Stuttgart, Timo Werner começou a chamar atenção no futebol europeu quando se transferiu para o RB Leizpig, em 2016. Após anotar 34 gols e 13 assistências em 45 jogos na temporada 2019/2020, foi contratado pelo Chelsea, mas a passagem por lá foi de questionamentos, apesar dos números não terem sido dos piores - 23 gols e 17 assistências em 89 jogos. Sem se consolidar, acabou voltando para o Leipzig, em agosto de 2022.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: