X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Esportes

Torcida do Corinthians é aposta da Fórmula E para lotar Sambódromo do Anhembi


A Fórmula E desembarca em São Paulo na próxima semana para a realização da terceira etapa da 10ª temporada da categoria de carros elétricos. Novamente, será utilizado um circuito montado no Sambódromo do Anhembi. A categoria anunciou nesta quinta-feira uma parceria com o Corinthians para levar os torcedores do time alvinegro para acompanhar a prova no sábado, dia 16 de março.

Os torcedores do Corinthians poderão usar um cupom de desconto de 10% (TIMAO10) para adquirir as entradas online. Já quem faz parte do programa Fiel Torcedor terá ainda mais vantagens a depender do seu plano. Além da venda de ingressos, a parceria se estende à produção de conteúdos e outras ações exclusivas. Os ingressos para a Fórmula E estão sendo comercializados pelo site https://formulae.eleventickets.com/#!/home. O valor de uma entrada inteira inicia em R$ 300.

"É fantástico ter essa sinergia com um time de futebol como o Corinthians. Esse cruzamento é significativo para a Fórmula E, pois envolve um esporte de massa como o futebol. Nosso objetivo é ter mais torcedores acompanhando nosso esporte em São Paulo e no mundo e esta ativação nos permite estar diante de um novo público e novos fãs", disse Alberto Longo, cofundador e diretor da Fórmula E.

Esse será o segundo ano da Fórmula E em São Paulo. A categoria tem contrato com a cidade até 2027. As eleições municipais, marcadas para outubro, não preocupam a direção da entidade, uma vez que se entende que a cidade não sofre com aumento de trânsito dado o bloqueio apenas da Avenida Olavo Fontoura.

No último ano, a vinda da F-E para a cidade movimentou cerca de US$ 90 milhões (aproximadamente R$ 444 milhões na cotação atual). A expectativa é que o número se repita neste ano. Para 2025, é esperada uma mudança de calendário com a antecipação do E-Prix paulistano para período 40 a 50 dias antes do carnaval. Isso significa que São Paulo deve abrir a próxima temporada.

"É de extrema importância para a grandeza do Sport Club Corinthians Paulista essa parceria com a Fórmula E, uma categoria que vem crescendo cada vez mais no mundo. O Corinthians é uma potência e internacionalizar cada vez mais a nossa marca ao lado de grandes eventos como o E-Prix de São Paulo é a nossa missão", disse Marcelo Mandel, diretor de Relações Internacionais do Corinthians.

O Brasil conta com dois pilotos na Fórmula E: Lucas di Grassi e Sergio Sette Câmara. Di Grassi ainda não pontuou na temporada, enquanto Sette Câmara soma dois pontos. O neozelandês Nicky Cassidy lidera o campeonato mundial.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: