Login

Atualize seus dados

São Paulo cai na Copa do Brasil com mais uma falha do goleiro Volpi

16/09/2021 09:13:16 min. de leitura

Imagem ilustrativa da imagem São Paulo cai na Copa do Brasil com mais uma falha do goleiro Volpi

Em mais um jogo marcado por uma falha do goleiro Tiago Volpi, o São Paulo foi derrotado pelo Fortaleza nesta quarta-feira (15), por 3 a 1, e deu adeus à Copa do Brasil nas quartas de final. Ronald aproveitou um erro do goleiro para abrir o placar no primeiro tempo, e Henríquez e Deivid fecharam o placar na etapa final.

No Morumbi, na partida de ida, o goleiro são-paulino já havia falhado quando os donos da casa venciam por dois gols de diferença, o que abriu caminho para os visitantes buscarem uma reação nos minutos finais até conseguirem o 2 a 2. No placar agregado, os cearenses fizeram 5 a 3, com duas falhas do camisa 1 tricolor que custaram a eliminação.

Foi a segunda queda do time comandado por Hernán Crespo em um torneio de mata-mata num intervalo de menos de 30 dias. Em 17 de agosto, a equipe deu adeus à Copa Libertadores também nas quartas de final, quando foi eliminada pelo Palmeiras.

No confronto com o rival, outro erro de Volpi foi decisivo no duelo de ida, quando os tricolores venciam por 1 a 0, no Morumbi. Ele não conseguiu defender uma cobrança de falta de Patrick de Paula, que chutou de longa distância no canto do arqueiro. Depois do 1 a 1 em casa, o São Paulo perdeu por 3 a 0 no Allianz.

Soma-se aos fracassos a fraca campanha no Campeonato Brasileiro, em que está na 16ª posição, apenas um ponto acima do América-MG, o primeiro na zona de rebaixamento. Essas campanhas fazem com que o título do Paulista, que tirou o clube da fila de nove anos, no início da temporada, seja menos celebrado.

Para Crespo, contudo, o troféu do Estadual tem sido sua salvação. Mesmo com os fracassos, ele ainda tem respaldo da diretoria, conforme disse o presidente do clube, Julio Casares, antes do duelo com o Fortaleza. "Para afastar de vez qualquer infeliz especulação, reafirmo que independentemente de resultados, o técnico Hernan Crespo seguirá normalmente o nosso planejamento no comando técnico da nossa equipe."

À beira do gramado no Castelão, o argentino demonstrava insatisfação com o desempenho do time, mas tentava passar confiança aos seus jogadores diante do domínio do rival. Na etapa inicial, com 7 minutos, o Fortaleza teve a primeira grande chance, com Yago Pikachu, que errou a finalização na pequena área.

A resposta tricolor veio somente aos 19, num contra-ataque de Rigoni, na única chance clara dos visitantes. Aos 20, a superioridade cearense foi convertida em gol, quando Ronald roubou a bola de Liziero, de frente para a grande área e arriscou um chute, que passou por baixo de Volpi.

Depois do intervalo, o Fortaleza diminuiu o ritmo, mas nem isso foi suficiente para os são-paulinos terem o volume ofensivo necessário para buscar o empate. Além disso, o time cearense ainda teve um gol anulado aos 20 minutos, por impedimento de Wellington Paulista.

Aos 36 minutos, nada salvou o São Paulo. Após cruzamento de Yago Pikachu, Henríquez fez de cabeça após cruzamento de Deivid e ampliou. O próprio Deivid fez o terceiro, aos 46, para definir a classificação dos cearenses à semifinal. Antes do fim, Gabriel Sara conseguiu descontar aos 49.

Com torcida no Maracanã, Flamengo avança na Copa do Brasil Em um Maracanã que recebeu público na noite desta quarta-feira (15), o Flamengo confirmou a classificação com a vitória diante do Grêmio, por 2 a 0. Na ida, os cariocas haviam vencido os gaúchos por 4 a 0, em Porto Alegre. Na próxima fase, os rubro-negros encaram o Athletico, que eliminou o Santos.

Também nesta quarta, o Atlético-MG superou o Fluminense por 1 a 0, em Belo Horizonte, e garantiu uma vaga na semifinal -na ida, no Rio, já tinham superado os tricolores por 2 a 1. Os atleticanos serão os adversários do Fortaleza na fase seguinte da Copa do Brasil.

FORTALEZA
Felipe Alves; Tinga, Jussa e Titi; Yago Pikachu, Éderson, Ronald, Romarinho (David) e Lucas Crispim (Bruno Melo); Wellington Paulista (Ángelo Henríquez) e Edinho (Matheus Vargas). T.: Juan Pablo Vojvoda

SÃO PAULO: Volpi; Arboleda, Miranda e Léo (Wellington); Igor Vinicius (Galeano), Nestor, Liziero (Sara), Benítez (Pablo) e Reinaldo; Rigoni e Eder (Luciano). T.: Hernán Crespo

Estádio: Arena Castelão, em Fortaleza (CE)
Juiz: Bruno Arleu de Araújo (Fifa/RJ)
Gols: Ronald (20'/1ºT), Henríquez (36'/2ºT) e David (46'/2ºT) para o Fortaleza; Gabriel Sara (49'/2ºT) para o São Paulo