X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Esportes

Salah estreia pelo Liverpool em 2024 e Klopp celebra reforço de peso para 'decisões'


Pela primeira vez em 2024, o Liverpool contará com o astro Mohamed Salah. O técnico Jürgen Klopp anunciou nesta quarta-feira que o ídolo egípcio está recuperado de uma lesão muscular no tendão da coxa e pronto para ajudar a equipe inglesa na fase decisiva da temporada.

O estreia do atacante pelo clube no ano ocorre nesta quinta-feira, no embate de volta das oitavas de final da Liga Europa, diante do Sparta. Com vantagem de 5 a 1 na ida, em Praga, o atacante terá um cenário ideal para o retorno em Anfield.

"Não tenho certeza se ele está pronto para os 90 minutos, não tenho certeza se devemos utilizá-lo os 90 minutos, mas ele está pronto para começar o jogo"< afrimou Klopp em entrevista coletiva.

Além da Liga Europa, o Liverpool tem enorme confiança que pode erguer o título do Campeonato Inglês - tem o mesma pontuação do líder Arsenal - e o retorno de Salah aumenta as expectativas para o técnico, que já anunciou que deixa o clube ao fim da temporada.

"É muito importante darmos ritmo para Mo e ele está pronto, em ótima forma", disse Klopp, revelando que a volta já poderia ter ocorrido no clássico com o Manchester City (empate por 1 a 1 na partida passada). "Ele estava pronto para começar o último jogo, mas você não sabe por quanto tempo faria sentido e esse é sempre o problema quando os jogadores voltam", seguiu.

Apesar de o clássico ter sido disputado com conotação de decisão, o técnico não quis arriscar. "Há mais 10 jogos do Campeonato Inglês e, esperançosamente, mais jogos europeus e da Copa (da Inglaterra), e eles são igualmente importantes", explicou.

"Salah normalmente consegue jogar jogo após jogo. Atualmente ele ficou fora por um tempo surpreendentemente longo (se machucou defendendo o Egito, dia 1º de janeiro, pela Copa das Nações Africanas). Ele está de volta e temos que ter certeza de que podemos contar com ele de forma consistente."

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: