X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Assine A Tribuna
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Esportes

Red Bull Bragantino vence de virada, volta ao G-6 e manda Vitória para a zona de rebaixamento


O Red Bull Bragantino está de volta ao G-6 do Brasileirão. Dentro de casa, no Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, virou para cima do Vitória, por 2 a 1, em duelo válido pela 11ª rodada. A derrota devolveu o time baiano para a zona de rebaixamento.

Com gols de Eric Ramires e Helinho, o Red Bull Bragantino chegou a 18 pontos e fecha o grupo da pré-Libertadores, em sexto lugar. Já o Vitória teve sua reação freada, após quatro jogos sem perder, mas voltou a frequentar a zona de rebaixamento, em 17º lugar, com nove pontos.

O time paulista buscou ter a posse de bola no início e atacar pelos lados do campo, mas não abria espaços. O Vitória não deixava de ser agressivo e foi quem abriu o placar, aos 16 minutos. Jean Mota recebeu cruzamento rasteiro e não desperdiçou na finalização.

Os visitantes por pouco não ampliaram, em cabeçada de Willean Lepe, defendido por Cleiton. Mesmo após sofrer o gol, o Bragantino não mudou seu padrão de jogo. Em um dos cruzamentos na área, Eduardo Sasha finalizou, o goleiro deu rebote e Eric Ramires deixou tudo igual, aos 47.

Na segunda etapa, o Red Bull Bragantino seguiu com mais posse de bola e tinha o domínio do jogo. Superioridade essa que resultou na virada, aos 20 minutos. Lucas Evangelista arrancou ainda do campo de defesa e serviu Helinho, que já dentro da área, bateu cruzado.

O Vitória por pouco não respondeu de imediato, em cabeçada de Lucas Esteves. No melhor estilo de Pedro Caixinha, os donos da casa não abaixaram a guarda, mas diminuíram a intensidade. Trocando muitos passes na linha defensiva, o time paulista conduziu a vitória até o apito final.

O Red Bull Bragantino volta a campo na quarta-feira, quando visita o Botafogo, às 19h00, no Engenhão, no Rio. Já o Vitória atua na quinta-feira, no Rio de Janeiro e contra outro time carioca, o Fluminense, às 19 horas, no Maracanã.

FICHA TÉCNICA

RED BULL BRAGANTINO 2 X 1 VITÓRIA

RED BULL BRAGANTINO - Cleiton; Jadsom SIlva (Nathan Mendes), Pedro Henrique, Luan Cândido e Juninho Capixaba; Raul, Eric Ramires (Henry Mosquera) e Lucas Evangelista; Helinho (Laquintana), Eduardo Sasha (Thiago Borbas) e Vitinho (Gustavinho). Técnico: Pedro Caixinha.

VITÓRIA - Lucas Arcanjo; Willean Lepo, Reynaldo (Osvaldo), Wagner Leonardo e Lucas Esteves; Rodrigo Andrade, Willian Oliveira (Raúl Cáceres), Léo Naldi (Luan Vinícius) e Jean Mota (Matheuzinho); Eryc Castillo e Luiz Adriano (Fábio). Técnico: Thiago Carpini.

GOLS - Jean Mota, aos 16, e Eric Ramires, aos 47 minutos do primeiro tempo. Helinho, aos 20 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Helinho e Nathan Mendes (Red Bull Bragantino); Lucas Esteves e Luan Vinícius (Vitória).

ÁRBITRO - Jonathan Benkenstein Pinheiro (RS).

RENDA - R$ 134.220,00.

PÚBLICO - 4.426 torcedores.

LOCAL - Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP).

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: