X

Olá! Você atingiu o número máximo de leituras de nossas matérias especiais.

Para ganhar 90 dias de acesso gratuito para ler nosso conteúdo premium, basta preencher os campos abaixo.

Já possui conta?

Login

Esqueci minha senha

Não tem conta? Acesse e saiba como!

Atualize seus dados

Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Pernambuco
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo
Espírito Santo
arrow-icon
  • gps-icon Pernambuco
  • gps-icon Espírito Santo

Esportes

Rafael evita caçar culpados por queda do São Paulo e pede desculpas à torcida: 'Perdemos todos'


Assim que o árbitro apitou o fim do jogo no tempo normal com empate por 1 a 1, no MorumBis, Rafael se tornou a grande esperança da torcida por uma classificação do São Paulo nos pênaltis diante do Novorizontino. O goleiro até defendeu uma cobrança, mas não evitou a queda e optou por defender os companheiros e fez um pedido de desculpas à torcida.

Com mais de 55 mil pessoas no estádio incentivando a equipe, a meta era se garantir no tempo normal. Mesmo com um adversário difícil que vinha de vitórias na casa de Corinthians e Santos, além de um empate com o Palmeiras no interior. Tudo deu errado e restou o lamento aos são-paulinos.

"A gente sempre treina os pênaltis, ainda mais quando tem jogo que pode terminar nas cobranças. São detalhes, momentos... Não perde quem erra, perde todo mundo. Hoje todos somos eliminados", afirmou Rafael, garantindo que o time se preparou para todas as possibilidades nas quartas e defendendo Michel Araújo e Diego Costa, que bateram pelo alto.

"Difícil encontrar o que dizer ao torcedor, é só pedir desculpas. A gente está triste, envergonhado. Agora é continuar trabalhando e buscar força para se reerguer. O time queria muito ser campeão paulista."

Rafael se apresenta à seleção brasileira ao lado do meio-campista Thiago Maia para os amistosos contra Inglaterra, no sábado, em Wembley, e a Espanha, dia 26, no Santiago Bernabéu, e pode até ser titular após o corte do titular Ederson. O goleiro deve disputar a vaga com Bento, do Athletico-PR.

O São Paulo agora se prepara para a estreia no Brasileirão, em abril, mas acompanha nesta segunda-feira o sorteio dos grupos da Libertadores, na qual pode até voltar a campo antes do Nacional, de acordo com a definição das datas na sede da Conmebol.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Leia os termos de uso

SUGERIMOS PARA VOCÊ: